Técnico interino do Equador diz que partida contra o Chile será difícil

ESPN.com.br com Agência EFE
Arboleda comemorando gol do Equador contra Honduras em amistoso neste ano
Arboleda comemorando gol do Equador contra Honduras em amistoso neste ano Rodrigo Buendia/AFP/Getty Images

O técnico interino do Equador, Jorge Célico, afirmou nesta quarta-feira que a partida desta quinta-feira, contra o Chile, em Santiago, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, será muito difícil para as duas seleções.

"Não vai ser fácil para o Chile, tampouco para o Equador. Será uma partida muito disputada", disse o treinador, que assumiu o cargo depois da saída do argentino Gustavo Quinteros.

Célico convocou para as partidas contra o Chile e contra a Argentina, em Quito, na próxima terça-feira, 30 jogadores, a maioria deles do Campeonato Equatoriano.


Oitavo colocado nas Eliminatórias, o Equador precisa vencer os chilenos para continuar sonhando com a Copa do Mundo de 2018. Em caso de derrota, a equipe não terá mais chances de classificação.

"Vamos enfrentar uma grande seleção que não está em um bom momento, como também está ocorrendo conosco", disse Célico.

O técnico disse que seus jogadores vão compensar a inexperiência pela "emotividade e a vontade" contra o Chile.

"A inexperiência pode jogar contra, mas eles têm a capacidade técnica de jogar de igual para igual com qualquer um", disse.

O Equador começou bem nas Eliminatórias ao ganhar as quatro primeiras partidas, mas perdeu cinco dos seis jogos na sequência e praticamente está fora da Copa. Os resultados anteriores, porém, não preocupam Célico, que quer vitórias nas duas últimas rodadas.

"Tenho uma fé única nos jogadores, eles têm qualidade e um coração enorme. Qualquer falta de experiência eles superarão com a vontade nesta partida", completou.

"Eles estão em um momento muito bom no torneio local. Dos 30 jogadores que convoquei, todos têm o coração grande e qualquer um deles pode contribuir muito. A seleção amanhã mostrará o que veremos no futuro", disse Célico depois do treino realizado hoje.

"Não passa pela nossa cabeça não atacar amanhã e às vezes subestimamos o grau de raciocínio do jogador. Eles estão calmos, mas conscientes do que farão", destacou.

O Chile, por sua vez, ocupa a sexta posição nas Eliminatórias, com 23 pontos, e também precisa vencer para continuar sonhando com a classificação na última rodada.

Comentários

Técnico interino do Equador diz que partida contra o Chile será difícil

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.