Vagner Mancini não resiste a resultados e é demitido da Chapecoense

Marcus Alves, do ESPN.com.br

Vagner Mancini, técnico da Chapecoense, na derrota para o Cruzeiro na Copa do Brasil
Vagner Mancini, técnico da Chapecoense, na derrota para o Cruzeiro na Copa do Brasil Gazeta Press

Depois de cinco jogos sem vencer, a diretoria da Chapecoense oficializou a demissão do técnico Vagner Mancini na manhã desta terça-feira.

A decisão foi tomada ainda no Rio de Janeiro, com o empate em 3 a 3 com o Fluminense, na última segunda-feira, após ficar à frente do placar mais de uma vez e sofrer o gol que roubou a sua vitória aos 47 minutos do segundo tempo. Com o frustrante resultado, o time catarinense volta a flertar com o rebaixamento e se mostra preocupado com a falta de reação após início de Brasileiro empolgante.

A saída de Mancini foi comunicada pelo diretor Rui Costa e confirmada pela cúpula da Chape ao ESPN.com.br.

A equipe, que conquistou de forma heroica o título estadual após a tragédia que resultou na morte de 71 pessoas no fim do ano passado, ocupa agora a 14ª colocação, com 14 pontos.

O seu próximo compromisso é contra o Atlético-PR, no próximo domingo, às 11h (de Brasília), na Arena Condá.

Brasileiro: Gols de Fluminense 3 x 3 Chapecoense

Comentários

Vagner Mancini não resiste a resultados e é demitido da Chapecoense

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.