Felipão relembra penta: 'Ronaldo fica bravo, mas o mais importante foi o Rivaldo'

ESPN.com.br
Ronaldo ou Rivaldo: quem foi mais importante em 2002? Felipão responde 'na lata'

Ronaldo marcou os dois gols da vitória sobre a Alemanha no jogo que deu o pentacampeonato mundial ao Brasil, em final que completa 15 anos nesta semana, no próximo dia 30. Ao relembrar a conquista, porém, o técnico Luiz Felipe Scolari considera que Rivaldo foi mais importante para o título.

"O Ronaldo fica bravo comigo quando eu falo, mas, na minha opinião, na parte tática da equipe, o mais importante foi o Rivaldo", disse Felipão, em entrevista ao Bate-Bola Bom Dia da ESPN Brasil.

Ronaldo foi o artilheiro daquele Mundial, com oito gols, três a mais que Rivaldo, e o fato de ter sido preterido pelo goleiro alemão Oliver Kahn como melhor jogador da Copa, na premiação oficial dada pela Fifa, é apontada como uma grande injustiça. O meia-atacante, porém, também brilhou...

Entre os cinco gols de Rivaldo, por exemplo, estão dois cruciais: o que abriu caminho para a vitória sobre a Bélgica, nas oitavas de final, talvez no jogo mais difícil que o Brasil teve em 2002; e o que iniciou a virada contra a Inglaterra, nas quartas, após Michael Owen ter aberto o marcador.

Felipão minimiza '7 a 1' e avalia positivamente o episódio: 'Mudou meu modo de pensar'

Na decisão, Rivaldo também participou dos dois gols marcados pelo camisa 9, primeiro finalizando bola que rendeu rebote de Kahn para Ronaldo marcar; depois dando corta-luz para o atacante.

Preferência pessoal à parte, Felipão falou sobre a rivalidade que Ronaldo e Rivaldo mantinham nos treinamentos, algo que, garante ele, nunca entrou em campo.

Felipão comenta convocação de CR7 quando comandava Portugal: 'Não imaginamos tudo isso que ele faz'

"Tinha nos treinamentos. Quem acertava a trave superior, quem fazia mais gol no treino... Pagava 10 dólares, eles apostavam até par ou impar. Claro que tinha competividade entre eles no treinamento, mas, quando chegava no jogo, não tinha essa situação e, sim, o trabalho comum da equipe, que foi o que fez esse time ser campeão. (A competição) É comum dos treinamentos."

E, claro, ao falar especificamente sobre Ronaldo, o pai da "Família Scolari" é só elogios. "Se fosse escolher os cinco melhores jogadores que trabalhei na minha vida, Ronaldo estaria disparado", elogiou, citando o papel que sua comissão técnica teve para que ele brilhasse em 2002.

Felipão diz que Guangzhou receberia proposta do Barça por Paulinho, mas garante: 'Está feliz aqui'

"A maior participação foi do (médico José Luiz) Runco e do (preparador físico Paulo) Paixão. Eles praticamente assumiram o risco do que eu pretendia (ao convocar Ronaldo). Cuidaram do Ronaldo como se fosse o jogador mais decisivo - e foi. Cuidaram de peso, joelho... Eu apenas segui o que foi dito por esses dois maravilhosos profissionais", relembrou.

Comentários

Felipão relembra penta: 'Ronaldo fica bravo, mas o mais importante foi o Rivaldo'

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.