Fã de Sergio Ramos, zagueiro do Santos que encantou Milan, Inter e City era meia: 'Fazia muitos gols'

Vladimir Bianchini, do ESPN.com.br
Divulgação
O zagueiro Matheus Guedes, do sub-17 do Santos
O zagueiro Matheus Guedes, do sub-20 do Santos

Considerado um dos jogadores mais promissores das categorias de base do Santos, Matheus Guedes sequer estreou pelo time profissional, mas já despertou a atenção de grandes equipes do futebol europeu.

O defensor de 17 anos começou no futebol como meia e atacante na cidade de Rondonópolis-MT, mas uma avaliação na equipe santista o fez trocar de posição.

"Como jogava perto da área eu fazia muitos gols. Eu tinha uma certa habilidade para isso. Em 2012, vim para o Santos como meia esquerda. Eles falaram que por eu ser alto e pela minha qualidade eu teria mais chances de ficar aqui como zagueiro", disse o atleta, ao ESPN.com.br.

Ao voltar para casa, Matheus resolveu aceitar a dica e começou a investir pesado na nova função. Após ser testado novamente, o garoto acabou aprovado. "Cada dia procuro me manter mais firme para evoluir. É o sonho de qualquer garoto vestir essa camiseta".

O adolescente foi morar fora de casa pela primeira vez na vida e precisou amadurecer mais rapidamente.

"A maior dificuldade que preciso vencer é a saudade por causa da distância dos meus familiares. A família é a base de tudo e por onde eu for levo isso comigo. É a minha maior motivação", relatou.

Divulgação Santos
O zagueiro Matheus Guedes, do sub-17 do Santos
O zagueiro Matheus Guedes, no sub-20 do Santos

Em pouco menos de três anos, o zagueiro canhoto de 1,94m se destacou a ponto de ter Manchester City, Inter de Milão e Milan interessados na sua contratação.

"Foi o Santos que me levou a ser conhecido por vários times de fora do Brasil. Por causa do trabalho deles eu pude me destacar. Esse reconhecimento é uma das maiores conquistas que tive. Mas eu não levo isso para mim porque tudo que sou eu devo a Deus", afirmou.

Mesmo com o assédio, Matheus Guedes preferiu permanecer no Santos para não queimar etapas em sua carreira.

"Quando vieram essas propostas eu fiquei tranquilo e fiz meu trabalho. Deixei nas mãos do meu empresário e da minha família. São as pessoas que mais confio. Apesar de tudo, eu sempre quis ficar aqui. Além de ser muito jovem, sei que tenho muito mais para evoluir. Preciso me dedicar e me preparar mais para quem sabe um dia possa realizar esse outro sonho, que é de todo jogador, de atuar na Europa por um grande time", projetou.

Matheus Guedes foi capitão na equipe sub-17 do Santos no ano passado e atualmente defende o time sub-20. Seu maior sonho no momento é poder integrar o time profissional comandado por Dorival Júnior.

Futebol de BaZé: Matheus Guedes saiu do Mato Grosso e sonha em brilhar na equipe principal do Santos

"Trabalho todo dia e dou meu melhor para se surgir uma oportunidade eu possa estar 100% preparado. Já tive algumas experiências de estar com eles em treinos. É um dos maiores objetivos que tenho. Quero subir e poder ajudar a equipe do Santos", contou.

E tudo dando certo, Matheus espera trilhar o mesmo caminho de seu ídolo: o zagueiro Sérgio Ramos, do Real Madrid.

"Gosto muito dele pela maneira de jogar e procuro me inspirar um pouco nele. É uma referência para muitos zagueiros. Ele é goleador. Quero poder fazer muitos gols e ajudar minha equipe. Espero que a minha estrela possa um dia brilhar como a dele".

Divulgação Santos
O zagueiro Matheus Guedes, do sub-17 do Santos
O zagueiro Matheus Guedes, no sub-20  do Santos
Comentários

Fã de Sergio Ramos, zagueiro do Santos que encantou Milan, Inter e City era meia: 'Fazia muitos gols'

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.