São Paulo descarta Cleber, e Santos afirma que sequer houve negociação

Agência Gazeta Press
Reprodução/ESPN
Cleber tem recebido poucas chances no Santos
Cleber tem recebido poucas chances no Santos

Depois do presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, deixar claro que poderia negociar o zagueiro Cleber com o São Paulo, caso o rival realmente se interessasse pelo jogador, a eventual transferência chegou a ser cogitada pelo clube da capital. Mas, antes mesmo de uma proposta oficial, a possibilidade já foi descartada. Dirigentes são-paulinos confirmaram nessa quarta que Cleber não faz parte dos planos e o próprio mandatário alvinegro reiterou que sequer houve negociação.

"Não fiquei sabendo nem de proposta, quanto mais de que eles desistiram. Não chegou nada para mim. Só ouvi especulações", explicou Modesto Roma Júnior, que tem bom relacionamento com Carlos Augusto de Barros e Silva, presidente do São Paulo, e no entanto, admitiu que os valores poderiam ser mais altos do que o rival pretende gastar no mercado.

Em dezembro, o Santos acertou a contratação de 60% dos direitos de Cleber junto ao Hamburgo, da Alemanha, por R$ 7,3 milhões. Desse montante, o clube pagou apenas a primeira parcela de R$ 2 milhões. Para Cleber ficar à disposição de Rogério Ceni, o São Paulo teria de ‘devolver' a despesa do Alvinegro Praiano e ainda assumir o resto da dívida com os alemães. Operação essa considerada muito arriscada pela cúpula tricolor, já que o atleta não tem empolgado em campo.

Cleber chegou ao Santos para suprir as ausências de Gustavo Henrique e Luiz Felipe. A dupla titular até então teve de se afastar por causa de lesões sérias nos ligamentos do joelho. Cleber, que passou pelo Corinthians antes de deixar o Brasil, foi contratado mesmo diante do fato de ter tido pouco espaço na equipe alemã que lutou para não ser rebaixada na Bundesliga durante toda a última temporada europeia.

Veja lances do zagueiro Cleber, que está na mira do São Paulo, pelo Santos

A princípio, Cleber chegaria para ser o novo ‘xerife'. Mas, em pouco tempo, Dorival Júnior passou a preterir o reforço e voltou a apostar em Lucas Veríssimo e David Braz. Um problema no joelho de Cleber foi constatado e, apesar do jogador garantir à época que isso não o impede de jogar, o treinador, em algumas oportunidades, sequer relacionou o zagueiro para o banco de reservas. Em menos de seis meses, Cleber foi de solução à peça dispensável do elenco santista, que deve voltar a contar com Gustavo Henrique e Luiz Felipe a partir de julho.

Para o São Paulo, a busca por um beque segue a todo vapor. Com as situações de Rodrigo Caio e Lugano indefinidas e diante da saída de Breno, Rogério Ceni espera pela chegada de uma nova opção para o setor.

Comentários

São Paulo descarta Cleber, e Santos afirma que sequer houve negociação

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.