São Paulo tem se dedicado mais na defesa e consegue marca inédita no ano

ESPN.com.br
GazetaPress
Pratto, do São Paulo, disputa bola pelo alto com Felipe Melo, do Palmeiras, no Morumbi
Pratto, do São Paulo, disputa bola pelo alto com Felipe Melo, do Palmeiras, no Morumbi

Após dias difíceis com a eliminação na Copa Sul-Americana para o modesto Defensa y Justicia, da Argentina, o São Paulo disputou três rodadas do Campeonato Brasileiro com algumas pequenas mudanças, e parece que elas têm dado resultado.

O time tricolor venceu dois dos três jogos que fez. Tem seis pontos e está no G-4. Além disso, sofreu apenas um gol e tem uma das melhores defesas do torneio. 

As mudanças foram sútis.

A equipe tem desarmado mais. Contra o Cruzeiro, na derrota por 1 a 0, foram 76% desarmes certos (isto é, 23 em 30). Já contra o Avaí (vitória por 2 a 0) foram 90% certos (20 em 22) e diante do Palmeiras (também vitória por 2 a 0) foram 85% certos (18 em 21).

Isso tem evitado que o time sofre muitas ameaçadas de gols contra os adversários. Foi assim no clássico contra o Palmeiras, que finalizou apenas uma vez com muito perigo durante os 90 minutos. E seria assim contra o Cruzeiro - o gol ocorreu em falha de Rodrigo Caio.

GazetaPress
Pratto, do São Paulo, disputa bola pelo alto com Felipe Melo, do Palmeiras, no Morumbi
Pratto, do São Paulo, disputa bola pelo alto com Felipe Melo, do Palmeiras, no Morumbi

No Paulista, onde o time fez 16 jogos, a média de desarmes era em torno de 80%.

Vale lembrar que o Palmeiras foi o primeiro grande clube que não fez gol contra o São Paulo nesta temporada. O time tricolor havia passado em branco apenas contra os pequenos.

Antes do jogo de domingo, os jogos que não tomou gol foram contra Moto Club, São Bernardo, Linense (duas vezes), Defensa y Justicia e Avaí.

Comentários

São Paulo tem se dedicado mais na defesa e consegue marca inédita no ano

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.