Não valia nada? Juve mostra futuro à Itália com 1º gol de alguém nascido nos anos 2000: 'Nem minha mãe vai acreditar'

ESPN.com.br
Getty
Kean garantiu a vitória da Juventus contra o Bologna
Kean garantiu a vitória da Juventus contra o Bologna

A Juventus entrou em campo como campeã italiana, a uma semana de disputar a final da Uefa Champions League e sem nenhuma intenção de forçar seus jogadores para vencer a partida. O Bologna já estava garantido na primeira divisão, sem nenhuma chance de conquistar uma vaga para nenhuma competição europeia.

O jogo deste sábado, portanto, não valia nada, certo? Moise Kean mostrou que não era bem assim!

A partida valia sim para muita gente. Ou pelo menos valeu muito para ele.

Aos 34 minutos do segundo tempo, ele saiu do banco para entrar no lugar de Paul Dybala. Já nos acréscimos, marcou o gol que selou a vitória da Juve por 2 a 1.

E se tornou o primeiro jogador nascido nos anos 2000 a marcar um gol nas cinco principais ligas da Europa - Itália, Espanha, Alemanha, Inglaterra e França.

Assista aos gols da vitória da Juventus sobre o Bologna por 2 a 1

"Dedico para minha família, em particular para a minha mãe. Ela não acreditará que eu consegui marcar", disse Kean. 

Moise Kean é visto como o futuro do futebol europeu. Ele já havia sido, por exemplo, o jogador mais jovem a entrar em campo na Uefa Champions League, na vitória na fase de grupos diante do Sevilla nesta temporada.

Kean é da chamada Geração Z, aquela de pessoas que nasceram em uma era tecnológica, com acesso a todo tipo de conexão, todo tipo de gadgets desde bebês. Mais, estão conectadas o tempo todo, TV, celular, fone no ouvido, tudo ao mesmo tempo.

Para se ter uma ideia, em 1999, um ano antes de Kean nascer, ainda havia a ameaça do Bug do Milênio, Nelson Mandela ainda era presidente da África do Sul e a ‘Bruxa de Blair' era o filme mais rentável do planeta.

Agora, pouco mais de 17 anos depois, Kean é o futuro. O futuro da Juventus, o futuro da Itália, o futuro do futebol.

"Estou muito contente pelo primeiro gol, tive sorte. É um sonho de todos os garotos de 17 anos fazer um gol por uma equipe importante como a Juventus. Foi muito bonito, mas ainda preciso trabalhar porque isso, para mim, é apenas o início", disse.

Comentários

Não valia nada? Juve mostra futuro à Itália com 1º gol de alguém nascido nos anos 2000: 'Nem minha mãe vai acreditar'

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.