Como face 'garoto-propaganda' faz Mourinho faturar quase o dobro de Guardiola

ESPN.com.br
Reprodução
José Mourinho protagonizou comercial da cervejaria holandesa Heineken
José Mourinho protagonizou comercial da cervejaria holandesa Heineken

Dois dos técnicos mais badalados da atualidade, José Mourinho e Pep Guardiola são separados por um abismo nas finanças. Segundo o levantamento anual da revista "France Football" dos salários no futebol, o treinador do Manchester United faturou quase o dobro que o espanhol na última temporada.

O motivo para tamanha diferença? A publicidade.

Se ambos são igualmente midiáticos, Mourinho soube explorar muito mais sua imagem no mercado. Treinador mais bem pago em 2016/17, segundo a publicação, o português faturou 28 milhões de euros (R$ 94,9 milhões), enquanto Guardiola recebeu 14,5 milhões de euros (R$ 49 milhões).

Do total dos ganhos de Mourinho, quase metade é proveniente de patrocínios. A última a apostar no técnico como garoto-propaganda foi a cervejaria Heineken, que transformou o português em seu embaixador global em uma acordo de 4 milhões de libras (R$ 15,7 milhões na cotação atual).

Mourinho, inclusive, já estreou em sua primeira ação com a marca, em propaganda de TV em que aparece conclamando os fãs de futebol a assistirem jogos da Uefa Champions League.

Com a Heineken, o treinador do Manchester United elevou seus ganhos com publicidade para 10 milhões de libras (R$ 39,3 milhões), que são ainda somados a seu salário de 12 milhões de libras (R$ 47,1 milhões) por temporada no levantamento da France Football.

Além da cervejaria holandesa, Mourinho já estrelou comerciais de outras marcas, incluindo os relógios Hublot, Jaguar, BT Sport (canal de televisão), Adidas, hotéis Atlantis, chá Lipton e EA Sports.

Guardiola, por sua vez, aparece apenas na quinta colocação do ranking de técnicos da France Football, atrás também de Marcello Lippi, da seleção da China (22,5 milhões de euros, R$ 76,2 mi); Laurent Blanc, ex-PSG (€ 20 milhões, R$ 67,8 mi); Carlo Ancelotti, do Bayern de Munique (€ 15,8 milhões , R$ 53,5 mi).

Gabriel Jesus diz que lado humano de Guardiola impressiona: 'Pessoa do bem'

Entre os jogadores, Cristiano Ronaldo foi o mais bem pago da temporada, com 87,5 milhões de euros (R$ 296,6 milhões na cotação atual), superando o argentino Lionel Messi, que recebeu 76,5 milhões de euros (R$ 259,3 milhões). Neymar foi o terceiro, com 55,5 milhões de euros (R$ 188,1 milhões)

A revista francesa considera em seu cálculo o salário bruto, as bonificações recebidas e o dinheiro por publicidade na temporada para o levantamento.

Comentários

Como face 'garoto-propaganda' faz Mourinho faturar quase o dobro de Guardiola

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.