Monteiro sofre virada e é eliminado por Berlocq no Brasil Open; Bellucci também perde

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
GazetaPress
O tenista brasileiro Thiago Monteiro (na foto) durante partida contra o argentino Carlos Berlocq
O tenista brasileiro Thiago Monteiro (na foto) durante partida contra o argentino Carlos Berlocq

O tênis brasileiro teve mais uma eliminação nesta terça-feira no Brasil Open. Em jogo que teve início às 19h45 (de Brasília), Thiago Monteiro entrou em quadra para enfrentar o argentino Carlos Berlocq, mas perdeu de virada por 2 sets a 1 (4/6, 6/4 e 6/4).

Com o resultado, Carlos Berlocq, atual número 67 do mundo, avançou para as oitavas de final para enfrentar Guido Pella, que também é argentino. O número 166 do mundo avançou eliminando o brasileiro Guilherme Clezar por 2 sets a 0 (6/2 e 6/3).

O primeiro set de partida foi atípico, já que metade dos serviços dos tenistas foram quebrados nos dez games de disputa. Melhor para o brasileiro Thiago Monteiro, que, após quebrar dois saques e ver o argentino devolver na mesma moeda, conseguiu uma quebra fundamental sem dificuldades no último game de disputa para fechar a primeira parcial em 6/4.

No segundo set, o cenário foi o oposto. Após os tenistas iniciarem a disputa com uma quebra para cada lado, o jogo se manteve equilibrado, mas desta vez foi o argentino quem interrompeu um serviço de Thiago Monteiro em um momento importante. Com vantagem e tendo o saque para fechar o set, Carlos Berlocq foi eficiente e garantiu o último game sem dificuldades para devolver a derrota e fechar a segunda parcial em 6/4.

O terceiro set contou também com grande equilíbrio, porém, o argentino conseguiu ser mais efetivo. Perfeito em seus saques, Carlos Berlocq correu poucos riscos em seus games de serviço e ainda conquistou uma quebra contra Thiago Monteiro. Com isso, o número 67 do mundo conseguiu se sobressair e fechou a última parcial em 6/4 para fechar o jogo por 2 sets a 1 e avançar na competição.

Bellucci também perde

Já Thomaz Bellucci perdeu para Diego Schwartzman no final da rodada por 6-2 e 6-0 em 57 minutos de jogo. "Eu errei bastante hoje. Minhas bolas estavam sem intensidade, eu estava sem a energia certa para imprimir no jogo. Mas ele tem os méritos dele também", afirmou o paulista após a partida.

Na segunda-feira, Bellucci havia desistido da chave de duplas com problemas estomacais e admitiu que não estava 100% fisicamente. "Vida de atleta é assim, são poucos dias que você entra em quadra não sentindo nada. Sabia que hoje teria que me superar. Acabei jogando aquém do que poderia. Talvez eu tenha me colocado muita pressão de jogar bem e as coisas não saíram como eu gostaria", acrescentou.

"Tenho que esfriar a cabeça e reencontrar a alegria e a motivação de estar na quadra que só o dia a dia vai me dar. Tenho que pensar no que a gente tem que fazer para dar a volta por cima", concluiu Bellucci.

O oponente de Schwartzman na segunda fase será o austríaco Gerald Melzer, responsável pela eliminação do dominicano Victor Estrella Burgos por 6-2 e 7-6(3). 

Comentários

Monteiro sofre virada e é eliminado por Berlocq no Brasil Open; Bellucci também perde

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.