Moisés entende ausência na seleção brasileira, mas lamenta frustração de Tchê Tchê

Gazeta Press
Cesar Greco/Palmeiras
Moisés Palmeiras
Moisés estreia pelo Palmeiras em 2017 nesta quinta-feira

As ausências dos meias Moisés e Tchê Tchê na convocação da seleção brasileira que disputou um amistoso com a Colômbia, em 25 de janeiro, causaram surpresa em torcedores do Palmeiras - e de outros clubes.

Moisés disse que entendeu a justificativa do técnico Tite para não levá-lo ao jogo, mas lamentou a frustração demonstrada pelo companheiro de equipe.

Tite disse que havia entrado em contato com a comissão técnica do Palmeiras para se informar das condições físicas de Moisés. Foi passado ao treinador que o jogador realizava um trabalho especial de recondicionamento, já que uma cirurgia de retirada dos pinos do pé esquerdo o fez perder musculatura durante as férias.

"É claro que se criou uma expectativa pelo Campeonato Brasileiro que fiz. Eu entendi um pouco minha realidade. Você quer ir, mas precisa entender que o momento ideal pode não ser aquele. Se tivesse ido, poderia ter fechado uma porta, porque não estava 100%", disse Moisés.

Tchê Tchê, contudo, foi deixado de fora da lista por opção de Tite. "Também havia a expectativa com o Tchê Tchê, porque ele fez um grande ano. Mas não dá para saber o que passa na cabeça do Tite. Sabemos que ele é bem coerente, honesto e tem as suas escolhas. Vários jogadores se destacaram naquela posição, então ele teve de optar por um", continuou.

"Fica aquela frustração. Até imagino o Tchê Tchê, mas é coisa do momento. Isso passa e você precisa voltar a trabalhar para ser lembrado em uma próxima oportunidade", acrescentou o meio-canpista.

As convocações de Moisés e Tchê Tchê eram esperadas porque Tite só chamou jogadores que atuavam no Brasil. Dudu e Vitor Hugo foram os únicos palmeirenses lembrados na relação de 23 nomes. O gol da vitória por 1 a 0 foi marcado justamente pelo camisa 7 do atual campeão brasileiro.

Moisés fala em oscilação natural em começo de temporada e elogia trabalho de Eduardo Baptista

Com o objetivo de ser lembrado por Tite neste primeiro semestre, Moisés fará nesta quinta-feira o primeiro jogo pelo Palmeiras do ano, diante do São Bernardo, no Allianz Parque. Já Tchê Tchê precisará de mais tempo para mostrar seu futebol ao técnico da seleção, já que o atleta fraturou o ombro e só poderá voltar aos gramados em cinco semanas.

Comentários

Moisés entende ausência na seleção brasileira, mas lamenta frustração de Tchê Tchê

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.