Do EVO na TV ao CBLoL no Ibirapuera: relembre os momentos mais marcantes do eSport em 2016

Daniela Rigon / ESPN.com.br
Riot Games
Final da Segunda Etapa do CBLoL 2016 no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo
Final da Segunda Etapa do CBLoL 2016 no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo

Em 2016, o esporte eletrônico continuou seu rápido crescimento e alcançou números ainda maiores do que nos anos anteriores. Entre milhões em premiações e centenas de campeonatos de diferentes jogos, separamos os 10 momentos mais marcantes do eSport em 2016. Confira.

Vitória da INTZ sobre a EDG no Mundial

Riot Games
A INTZ teve uma vitória de cair o queixo em cima da EDG, time campeão chinês, e foi o maior marco de um time brasileiro.
A INTZ teve uma vitória de cair o queixo em cima da EDG, time campeão chinês, e foi o maior marco de um time brasileiro. 

Após campanhas convincentes no CBLoL 2016 e no International Wildcard Qualifier, a INTZ chegou no Mundial de League of Legends para representar o Brasil com muitas esperanças, mas pouco favoritismo.

De fato, os Intrépidos acabaram sofrendo nas mãos das equipes internacionais mais experientes, mas saíram de mãos abanando. O time brasileiro conseguiu desbancar EDward Gaming logo em sua estreia no campeonato, pegando os chineses de surpresa e dando motivos de sobra para os torcedores comemorarem.

SKT tricampeã mundial no League of Legends

Riot Games
A SKT é o primeiro time de League of Legends a ter todos os títulos possíveis - e é a primeira equipe tricampeã da categoria
A SKT é o primeiro time de League of Legends a ter todos os títulos possíveis - e é a primeira equipe tricampeã da categoria

Ainda durante o Mundial de League of Legends, a sul-coreana SK Telecom T1 conquistou seu tricampeonato mundial, tornando-se a primeira equipe a conseguir o feito.

Com a estrela Lee "Faker" Sang-hyeok no meio, a SKT passou com facilidade pela Fase de Grupos e eliminou as equipes Royal Never Give Up e Rox Tigers para chegar até a grande final. No confronto, o time enfrentou a também sul-coreana Samsung Galaxy na disputa mais longa de uma final de Mundial, e acabou consagrando-se vencedora por 3 a 2.

Finais da ESL Pro League Season 4 no Brasil

ESL
O Brasil recebeu o primeiro grande torneio de Counter-Strike da ESL,a Pro League, e a organização disse que o público foi o grande destaque
O Brasil recebeu o primeiro grande torneio de Counter-Strike da ESL,a Pro League, e a organização disse que o público foi o grande destaque

O Brasil é conhecido como um dos principais países do competitivo de Counter-Strike, mas foi apenas este ano que recebemos o primeiro grande torneio internacional do cenário.

O Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, foi o palco das finais da ESL Pro League Season 4, que contou com a participação de duas equipes brasileiras: Immortals e SK Gaming. Mais de 18 mil torcedores acompanharam as disputas entre os melhores times de Counter-Strike do mundo. Infelizmente, a brasileira SK Gaming acabou perdendo na final por 2 a 1 para a Cloud9.

Coldzera é premiado duas vezes como jogador do ano

HLTV.org
Na ESL One Cologne, o jogador foi premiado com uma medalha de MVP pela HLTV
Na ESL One Cologne, o jogador foi premiado com uma medalha de MVP pela HLTV

O brasileiro Marcelo "coldzera" David, integrante da SK Gaming de Counter-Strike, foi premiado duas vezes o melhor jogador de esporte eletrônico de 2016, desbancando nomes como Lee "Faker" Sang-hyeok (League of Legends) e Amer "Miracle" al-Barqawi (DOTA 2), além de Olof "olofmeister" Kajbjer e Ladislav "GuardiaN" Kovács, também de Counter-Strike.

Coldzera foi premiado na primeira edição do eSports Industry Awards e no The Game Awards, sendo esta última em votação popular. Cold foi um dos responsáveis pelo ótimo desempenho da Luminosity e SK Gaming ao conseguir dois Majors de Counter-Strike neste ano, lançando nosso país para os holofotes da categoria.

EVO na televisão

ESPN.com.br
A ESPN transmitiu as finais do EVO 2016 e reuniu ,mais de 200 mil espectadores e com direito a narração em português
A ESPN transmitiu as finais do EVO 2016 e reuniu ,mais de 200 mil espectadores e com direito a narração em português

Em 2016, os jogos de luta ganharam ainda mais espaço com a transmissão do Evolution nos canais da ESPN, tanto no Brasil como nos Estados Unidos da América.

As finais do torneio de Street Fighter V da EVO foram assistidas por mais de 200 mil pessoas nos canais da ESPN e contaram, inclusive, com narração e comentários em português brasileiro. O grande campeão da disputa final foi Lee "Infiltration" Seon-Woo.

Copa do Mundo de Overwatch

Blizzard
Seleção brasileira de Overwatch teve influenciadores, mas poucos jogadores experientes
Seleção brasileira de Overwatch teve influenciadores, mas poucos jogadores experientes

Overwatch foi lançado oficialmente há apenas oito meses, mas seu cenário competitivo já está em formação. Para comemorar o grande sucesso do jogo, a Blizzard realizou a primeira Copa Mundial de Overwatch durante a Blizzcon, em novembro, e reuniu vários países em uma disputa amigável, porém ainda competitiva.
As equipes dos países foram formadas por meio de votação popular, o que foi muito criticado pelo público. Por conta do formato, o time brasileiro acabou sendo liderado pelo YouTuber BRKSEdu e contou com apenas alguns jogadores realmente competitivos. No fim, o Brasil perdeu todas as partidas disputadas, mas saiu com a esperança de melhorar o cenário para o próximo ano.

Primeira edição do FIFA Hero League

ESPN.com.br
Hero League passou na televisão brasileira e teve narração e comentários da equipe da ESPN Brasil ao vivo!
Hero League passou na televisão brasileira e teve narração e comentários da equipe da ESPN Brasil ao vivo! 

No dia 10 de dezembro acompanhamos de perto as finais do Hero League, o primeiro campeonato oficial de FIFA 17 e que teve transmissão exclusiva nos canais ESPN. Ao todo, foram 64 jogadores divididos em dois grupos, os finalistas de PlayStation 4 e os de Xbox One. Foram mais de 10 horas de transmissão online, com as últimas partidas sendo transmitidas ao vivo na ESPN.

O dia cheio de emoção trouxe a derrota de Wendell Lira, vencedor do prêmio Puskas de 2015, ainda na fase de grupos, histórias de jogadores de todos os cantos do Brasil e ainda a consagração dos vencedores Michel Ribeiro, representando o Vasco da Gama no Xbox e Lucas Vieira, que jogou com Goiás e venceu no PlayStation 4.

Essa foi a maior cobertura do eSport de FIFA na televisão brasileira e teve narração e comentários da equipe da ESPN Brasil ao vivo durante todo o evento.

The International 6

Polygon
Dota 2 - The International 6
O The International 6 de DOTA 2 teve uma premiação de US$ 20 milhões

Mais uma vez, DOTA 2 quebrou o recorde de premiações do esporte eletrônico. Através da utilização do lucro de vendas dentro do jogo para aumentar o prêmio de sua principal competição, a Valve alcançou o valor de US$ 20,77 milhões - um aumento de cerca de US$ 2 milhões em relação a 2015.

Na disputa, a Wings Gaming foi a grande campeã, mantendo a tradição de vitória chinesa em anos pares da competição. A equipe levou uma fatia de US$ 9,1 milhões do prêmio total.

Investimento de grandes nomes do esporte tradicional

Paris Saint-Germain
Um dos times que mais investiu no eSport nesse ano foi o PSG, contratando nomes de peso como YellOwStaR
Um dos times que mais investiu no eSport nesse ano foi o PSG, contratando nomes de peso como YellOwStaR

Uma das provas do crescimento do esporte eletrônico é o interesse e investimento de grandes nomes do esporte tradicional, como clubes de futebol e ex-jogadores de basquete.

Em 2016, clubes como Valencia, Schalke 04 e Paris Saint-German anunciaram sua entrada no competitivo. No basquete, a equipe Philadephia 76ers adquiriu a Team Dignitas e a Apex Gaming

Big Gods na LCS NA

Divulgação
Time brasileiro vai para o exterior tentar uma vaga nas ligas mais competitivas do cenário de 'League of Legends'
Time brasileiro vai para o exterior tentar uma vaga nas ligas mais competitivas do cenário de 'League of Legends'

Após uma grande campanha no início de 2016 com a conquista da vaga para a Segunda Etapa do CBLoL 2016, a Big Gods sofreu imensas derrotas. O time foi penalizado por falhas administrativas e entrou na competição já praticamente rebaixado de volta para o Circuito Desafiante.

Entretanto, ao invés de se contentar com a situação, a organização decidiu partir do Brasil e tentar uma vaga no Desafiante da LCS NA. Com uma equipe estrangeira e Ednilson "Jukaah" Vargas de técnico, os Bigodes garantiram a vaga e serão a primeira organização brasileira a disputar uma liga internacional. 

Comentários

Do EVO na TV ao CBLoL no Ibirapuera: relembre os momentos mais marcantes do eSport em 2016

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.