14 anos após a primeira, Robinho volta ao Brasil para ganhar sua 3ª Bola de Prata

Francisco de Laurentiis, Igor Resende e Rafael Valente, do ESPN.com.br
Bola de Prata: Gabriel Jesus e Robinho formam o ataque

Em 2002, aos 18 anos de idade, poucos conheciam Robinho quando ele infernizou o Corinthians para ser campeão brasileiro e conquistar o primeiro Prêmio ESPN Bola de Prata SPORTINGBET de sua carreira.

Em 2016, 14 anos depois, todos já sabiam quem ele era. Mas muito ainda duvidavam se ele ainda tinha futebol para atuar no mais alto nível. A resposta veio em campo, como um dos melhores jogadores do Atlético-MG e a terceira Bola de Prata para a coleção do astro - ele também ganhou em 2004, ainda pelo Santos.

Robinho fecha a temporada sem os títulos que tanto esperava conquistar. Mas, pessoalmente, se provou mais uma vez como um dos maiores da história recente do futebol nacional.

Foram 12 gols no Brasileirão, apenas dois a menos que os artilheiros da competição.

Entre a primeira e esta terceira Bola de Prata, Robinho passou por Real Madrid, Manchester City e Milan, três dos melhores times do mundo. Colecionou títulos e foi à duas Copas do Mundo.

Nada mal para o eterno ‘Rei das Pedaladas'.

  • O REGULAMENTO

Jornalistas da Placar e da ESPN assistem a todas as partidas do Brasileirão e atribuem notas de 0 a 10 aos jogadores. Receberão a Bola de Prata os craques que tenham sido avaliados em pelo menos 19 partidas. Jogadores que deixaram o clube antes do fim do campeonato estarão fora da disputa. Em caso de empate, leva o prêmio quem tiver o maior número de partidas. Ganhará a Bola de Ouro aquele que obtiver a melhor média.

Comentários

14 anos após a primeira, Robinho volta ao Brasil para ganhar sua 3ª Bola de Prata

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.