Hoje na Champions, ex-Vasco curte 'vida de estrela de cinema' e sonha com a seleção

Vladimir Bianchini, do ESPN.com.br
sscnapoli.it
Brasileiro Allan brilha com a camisa do Napoli
Brasileiro Allan brilha com a camisa do Napoli pela segunda temporada e sonha com seleção

Um dos destaques do Napoli, que briga novamente pelo título italiano e lidera o Grupo B da Uefa Champions League, é um velho conhecido da torcida vascaína: é o meia Allan. Em sua segunda temporada na equipe napolitana, ele acredita que pode ganhar uma oportunidade do técnico Tite.

"Seleção brasileira sempre passa pela minha cabeça e espero muito por isso. Acho que estou fazendo um belo trabalho na Itália e tenho esse sonho de criança. Espero manter meu desempenho para um dia ser chamado", disse, ao ESPN.com.br.

O jogador de 25 anos é titular do time comandado por Maurizio Sarri. "É um clube que está muito bem na Itália e disputa Liga dos Campeões. Fizemos uma ótima temporada passada, brigamos pelo título. Foi uma pena que não conseguimos vencer. Este ano, creio que temos um elenco ainda melhor".

No Napoli, inclusive, Allan vive uma "vida de estrela de cinema", já que a equipe é propriedade de Aurelio De Laurentiis, um dos maiores produtores de filmes da Europa. O cartola sempre leva o elenco celeste às pré-estreias das novas películas da Filmauro.

Divulgação
Brasileiro Allan assinou contrato ao lado do presidente Aurelio de Laurentiis
Allan e Aurelio de Laurentiis

Nesses eventos, o ex-vascaíno tem até a oportunidade de passar pelo tapete vermelho e conhecer os mais famosos atores do cinema italiano.

"O presidente todo ano nos leva para ver os filmes que ele lança em dezembro. Ele leva também os atores famosos na Itália que participam para estar por lá. A maioria eu não conheço, mas sei que são famosos (risos)".

Na última quarta-feira, Allan foi titular na vitória por 2 a 0 do Napoli sobre o Empoli pela décima rodada do Campeonato Italiano. O resultado fez a equipe subir para a terceira posição do Campeonato Italiano.

No domingo, o brasileiro terá a chance de jogar o clássico contra a Juventus, fora de casa. Será o reencontro com Gonzalo Higuaín, que trocou o time napolitano pela equipe de Turim nesta temporada.

"Foi uma coisa muito difícil porque perdemos para um rival direto. Mas os jogadores que chegaram têm feito os torcedores esqueceram o Higuaín".

Napoli vence Empoli, ultrapassa Milan e é terceiro no Campeonato Italiano

CAMPEÃO MUNDIAL SUB-20

Allan Marques Loureiro é nascido no Rio de Janeiro e desde os 13 anos recebia ajuda de custo para realizar seu sonho de jogar futebol e ajudar sua família.

Destaque no futsal, o meia jogava sempre entre os meninos mais velhos até chamar atenção do Olaria. "Fui campeão carioca, depois fui para o campo e passei pelo Madureira. Joguei no Flamengo com 13 anos no campo, mas não deu muito certo".

Divulgação
Seleção Brasileira Sub-20 Mundial Colômbia Futebol 2011
Seleção brasileira foi campeã mundial Sub-20  

Depois disso, o jogador foi para a base do Vasco e fez uma parceria de sucesso com Phillipe Coutinho dentro e fora dos gramados.

"Lembro em um Brasileiro Sub-17 que fomos fazer a final contra o Santos do Neymar. Coutinho saiu par fazer exames na Inter de Milão e voltou só para a decisão. Foi legal porque vencemos por 2 a 1. Neymar fez um gol espetacular de falta, mas foi muito bem marcado".

Depois de ir bem no campeonato Carioca de juniores, Allan foi promovido aos profissionais por Dorival Jr, aos 18 anos.

"Fiquei dois meses treinando com os caras fazendo adaptação até estrear. Aprendi muito para ver as diferenças. Veio uma chance contra o Atlético-Go e ele me colocou no intervalo. Ele perguntou se eu estava preparado. Eu respondi: 'Claro, professor'. Mas eu estava morrendo de medo (risos)".

Depois disso, foi aos poucos se firmando na equipe e chamado para jogar o Mundial sub-20 de 2011 com a seleção brasileira. Foi o 12º jogador do técnico Ney Franco nas partidas decisivas.

sscnapoli.it
Allan
Allan está na segunda temporada no Napoli

"Até as quartas de final eu não tinha entrado, estava apreensivo porque estava bem no Vasco. Achei que não ia ter mais chances e estava chateado porque todos tinham jogado. Ele me colocou contra a Espanha na prorrogação e fui bem".

"Lembro que nos primeiros 30 minutos a gente não viu a cor da bola por causa daquele estilo de tocar. Mas depois o Ney Franco acabou indo bem. Eles empataram com a gente, mas vencemos nos pênaltis".

Ele ainda entrou nas semifinais e na decisão contra Portugal e ajudou o time a conquistar a competição.

"Daquele nosso time todos estão em time grande: Danilo, Casemiro, Alex Sandro, Juan Jesus, Fernando, Coutinho, Gabriel, Dudu. Foi um dos pontos altos da minha carreira e ser campeão é uma coisa maravilhosa que ficou para minha história. Vou contar para os meus filhos".

Neste mesmo ano pelo Vasco, Allan foi campeão da Copa do Brasil, vice do Brasileiro e chegou até as semifinais da Copa Sul-Americana.

"Ajudamos a colocar o time no lugar que merecia. Nós que viemos da base foi ainda mais especial por vermos todas as dificuldades".

Em 2012, após a queda nas quartas de final da Copa Libertadores da América para o Corinthians, o meia foi comprado pela Udinese.

"Tinha cumprido meu ciclo de aprendizado e queria novos desafios. Foi uma coisa que apareceu muito boa para mim. Não pensei duas vezes porque o clube iria disputar uma preliminar da Champions League".

Mesmo com apensas 20 anos, ele não sofreu com a adaptação ao novo time e ao país. "A cidade é ótima e estão muito acostumados a receber jovens estrangeiros. Cheguei com meu filho e minha esposa e deu tudo certo".

"Eu fui uma contratação que chegou sem badalação, era o mais desconhecido e que tinha custado menos. Cheguei na minha e joguei muitos jogos no primeiro ano. Foram 36 só no Italiano, foi maravilhosos e não poderia ser melhor do que foi".

Napoli supera último colocado fora de casa e volta a vencer no Italiano

Depois de três temporadas com 115 partidas pela Udinese, Allan foi comprado pelo Napoli por 11 milhões de euros (aproximadamente R$ 38 milhões).

Comentários

Hoje na Champions, ex-Vasco curte 'vida de estrela de cinema' e sonha com a seleção

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.