Operação da Polícia Civil prende 16 membros de organizada do Santa Cruz

Gazeta Press
Reprodução
Torcidas de Santa Cruz e Sport brigaram no domingo
Torcidas de Santa Cruz e Sport brigaram no domingo

Uma operação deflagrada pela Polícia Civil pernambucana, intitulada "Cartão Vermelho", desencadeou na prisão de 16 membros da torcida organizada Inferno Coral, do Santa Cruz, nesta terça-feira. Além de 15 mandados de prisão cumpridos, um torcedor foi detido em flagrante.

Os organizados são acusados de promover tumulto, praticar ou incitar a violência, além de causar rixa, lesão corporal grave, roubo, associação criminosa e tentativa de homicídio duplamente qualificado em uma confusão ocorrida na estação de metrô de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, em 2015.

A Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão em 18 locais, inclusive na sede da torcida organizada, no bairro do Arruda. Ali, a operação prendeu um membro da Inferno Coral por porte ilegal de arma de fogo.

"Estas pessoas são habituadas a praticar os crimes de rixa, incitação à violência e provocação de tumulto. Foi feito um trabalho para identificá-los e prendê-los. Todos estão ligados direta ou indiretamente à torcida Inferno Coral e todos eles foram presos porque foi comprovado que eles praticaram esses crimes que a gente falou. As vítimas felizmente estão bem, mas eles estão sendo presos para serem responsabilizados criminalmente", disse o delegado Sérgio Ricardo, diretor do Comando de Operações e Recursos Especiais.

Comentários

Operação da Polícia Civil prende 16 membros de organizada do Santa Cruz

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.