'IWCQ': INTZ continua forte na disputa e vence Albus Nox Luna

ESPN.com.br
Riot Brasil
Os Intrépidos tiveram um ótimo desempenho e garantiram mais uma vitória
Os Intrépidos tiveram um ótimo desempenho e garantiram mais uma vitória

Em seu primeiro jogo no quinto dia do International Wildcard Qualifier, a INTZ manteve a boa forma e venceu a Albus Nox Luna, equipe representante da Comunidade dos Estados Independentes.

Além de uma importante vitória no torneio que vale vaga para o Mundial, os Intrépidos também conseguiram vingar sua desclassificação durante o International Wildcard Invitational. Na ocasião, os brasileiros acabaram perdendo da equipe da CEI, então chamada Hard Random, na fase de round robin e por 3 a 0 nas semifinais.

Começando na fase de picks e bans, a INTZ decidiu banir importantes campeões utilizados pela equipe adversária, como Jhin, e escolher logo de cara outro personagem importante - Bardo, muito utilizado pelo suporte Kirill "Likkrit" Malofeev.

Com um early game mais agressivo, os Intrépidos conseguiram tomar o controle de boa parte do mapa por meio de ganks e teamfights bem executadas. Mesmo aguentando por bastante tempo nas lutas, a Albus Nox Luna não teve a oportunidade de realizar objetivos durante a partida, derrubando zero torres e derrotando zero dragões. Com isso, e uma grande diferença de ouro, os Intrépidos ficaram imparáveis e venceram o jogo por 14 a 7 aos quase 38 minutos.

Novamente destaque na partida, o topo Yang não teve a chance de jogar com seu Gnar na partida, que foi banido durante os drafts, mas salvou seus companheiros de time e fez jogadas espetaculares com seu Ekko, terminando em 6/1/7. Confira o histórico da partida aqui.

A INTZ joga ainda hoje (28) contra os vietnamitas da Saigon Jokers, às 21h.

Comentários

'IWCQ': INTZ continua forte na disputa e vence Albus Nox Luna

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.