Após suspensões, Brasil ganha mais três vagas na canoagem velocidade

Gazeta Press
CBCa/Divulgação
Equipe brasileira herdou vagas de Romênia e Belarus
Equipe brasileira herdou vagas de Romênia e Belarus

O Brasil herdou a vaga de Belarus e também da Romênia no K4 1000 metros da canoagem velocidade do Rio 2016. A Federação Internacional de Canoagem decidiu suspender ambas as equipes por doping nesta segunda-feira e com isso o Time Brasil ganha mais três atletas.

Roberto Maehler, Celso Oliveira e Vagner Souta serão os novos representantes da delegação brasileira e se juntam a Gilvan Ribeiro na disputa do K4 masculino.  A vaga acabou caindo no colo dos brasileiros por conta do quinto lugar conquistado por eles no Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade em 2015, realizado em Milão, na Itália.

Jamil Chade traz informações sobre escândalo de doping na Rússia

"Devido ao posicionamento das vagas nós também garantimos a presença do K4 masculino no Rio de Janeiro, mas é importante salientar que conquistamos isso dentro d'água, por meio do bom resultado que tivemos em Milão. Seguimos agora para o Rio com a maior delegação da Canoagem Brasileira", disse Alvaro Koslowski, supervisor do Comitê de Canoagem Velocidade.

Comentários

Após suspensões, Brasil ganha mais três vagas na canoagem velocidade

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.