Na estreia do técnico Lisca, Joinville bate Sampaio Corrêa e volta a vencer na Série B

Agência Gazeta Press
Veja os gols da vitória por 2 a 0 do Joinville sobre o Sampaio Corrêa 

Na estreia do técnico Lisca, o Joinville voltou a vencer na Série B. Neste sábado, jogando em casa, os catarinenses fizeram 2 a 0 no Sampaio Corrêa, pela 15ª rodada da competição. Os dois gols foram marcados pelo meia Carlos Alberto, destaque da partida.

Com a vitória, os catarinenses foram a 14 pontos, além de encerrarem uma sequência de quatro derrotas. Ainda assim, não deixou a zona de rebaixamento. O Sampaio Corrêa, por sua vez, estacionou nos 10 e, com a vitória do Tupi, na última sexta, caiu para a última posição da Série B.

No próximo sábado, às 21 horas (de Brasília), o Joinville, tentando manter a recuperação, vai a Bragança Paulista, enfrentar o Bragantino, que também luta contra a zona da degola. O Sampaio Corrêa, por sua vez, recebe o Bahia, na sexta-feira, às 21h30 (de Brasília), tentando fugir da lanterna do torneio.

O jogo
Jogando em casa, o Joinville começou pressionando, tentando sair em vantagem cedo. Aos 3, Carlos Alberto invadiu a área e bateu, mas o goleiro Rodrigo Ramos evitou o gol dos catarinenses. Aos 11, não houve salvação para os maranhaenses.

Carlos Alberto finalizou novamente, de dentro da área, e dessa vez não deu chances para o arqueiro rival, em arremate no canto: 1 a 0 Joinville. Aos 15, Diones avançou pelos lados do campo e tocou para Heliardo, que bateu por cima.

Divulgação
Jogadores do Joinville comemoram gol na vitória sobre o Sampaio Corrêa
Jogadores do Joinville comemoram gol na vitória

A primeira chegada do Sampaio veio aos 17, quando Pimentinha exigiu bela defesa do estreante Aranha. Depois de um começo animado, a partida caiu um pouco de ritmo. O lance de maior destaque foi a contusão de Diones, que sentiu o tornozelo e deixou o campo, para a entrada de Thomás.

Nova chance de gol veio aos 32, novamente para os visitantes. Lucas Sotero pegou de primeira e assustou os torcedores do JEC, em bola que passou perto da trave. Dois minutos depois, Pimentinha pediu pênalti, mas o árbitro mandou seguir.

Quando parecia que o primeiro tempo chegaria ao fim em ritmo lento, Carlos Alberto marcou o segundo gol, aos 42. Reginaldo cruzou, Heliardo não acertou e a bola sobrou com o meia, que girou, bateu e balançou as redes, ampliando a vantagem, que se manteve até o apito final da primeira etapa.

No segundo tempo, a partida voltou com os dois times arriscando muitos cruzamentos, sem criatividade para chegar com passes. Assim, poucas chances nos minutos iniciais.

Mesmo com o ritmo lento, os dois técnicos relutaram em mudar suas equipes. O Sampaio, desesperado, exagerava nos lançamentos, e constantemente a bola sobrava limpa para a defesa do time de Lisca.

Com espaço para contra-ataques, o Joinville tentou usar a velocidade, principalmente de Thomás, em alguns momentos, mas também não foi efetivo, sem conseguir assustar Rodrigo Ramos.

O primeiro grande momento do segundo tempo veio apenas aos 38, quando Elias cabeceou e a bola passou perto da trave do estreante Aranha. Sem forças para buscar a reação, os maranhenses viram o time da casa administrar o placar e garantir a terceira vitória na Série B.

FICHA TÉCNICA
JOINVILLE 2 x 0 SAMPAIO CORRÊA

Local: Arena Joinville, em Joinville (SC)
Data: 09 de julho de 2016, sábado
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha (RJ)
Público: 4.887 presentes
Renda: R$ 55.360,00
Cartões amarelos: Carlos Alberto, Bertotto, Diego (Joinville), Felipe Baiano (Sampaio Corrêa)
Gols: JOINVILLE: Carlos Alberto, aos 11, e aos 42 minutos, do primeiro tempo

JOINVILLE
Aranha; Reginaldo, Rafael Donato, Ligger e Diego; Naldo e Bertotto; Éverton Silva (Cléo Silva), Diones (Thomás) (Murilo) e Carlos Alberto; Heliardo
Técnico: Lisca

SAMPAIO CORRÊA
Rodrigo Ramos; Éder Sciola, Luiz Otávio, Wagner e Renan Luís; Felipe Baiano e Renan Ribeiro (Paulo Marcelo); Elias, Lucas Sotero e Pimentinha (Rayllan); Edgar (Jean Carlos)
Técnico: Wagner Lopes

Comentários

Na estreia do técnico Lisca, Joinville bate Sampaio Corrêa e volta a vencer na Série B

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.