Caio Jr. compara Chapecoense com Paraná de 2006 e se anima: 'Fomos para a Libertadores'

ESPN.com.br
Caio Júnior analisa primeiros dias de trabalho na Chapecoense e elogia vitória sobre o Cruzeiro

Dois anos afastado do futebol brasileiro parecem ter feito bem a Caio Júnior. A opinião é do próprio técnico, que assumiu a Chapecoense há uma semana e estreou com vitória sobre o Cruzeiro por 3 a 2, na última quinta-feira. Em entrevista ao 'Bate-Bola bom dia', o treinador compara a equipe catarinense ao Paraná Clube de 2006 e previu um final feliz.

"Faz dois anos que fiz um estágio com [Carlo] Ancelotti. Logo depois ele foi campeão [da Champions League] com o Real Madrid. Isso foi muito bom para mim. Não importa onde estou trabalhando, quero dar meu melhor. Vejo na Chapecoense uma possibilidade interessante. Lembra o Paraná Clube de 2006, quando fomos para a Libertadores", disse.

Ao justificar a comparação, ele citou qualidades da Chapecoense.

"O trabalho do Guto [antecessor de Caio Júnior] foi muito bom e principalmente a direção, que faz um trabalho espetacular. Tinha boas referências da Chapecoense, mas não imagina que fosse tão bom. O clube tem tudo que um treinador precisa", disse o treinador.

"O grupo de jogadores é muito bom. O time fazia boa campanha, mas nos dois últimos jogos não foi tão bem. Contra o Atlético-PR não fez um bom jogo ainda com o Guto e contra o Sport perdemos por cinco. Tive de trabalhar aspecto emocional e psicológico. Fiz um treinamento apenas. Por isso me orgulha a forma como jogamos contra o Cruzeiro", completou.

A Chapecoense tem 18 pontos e está na oitava colocação do Brasileiro. Na próxima rodada, jogará contra o Santos, na Vila Belmiro, no domingo.

Comentários

Caio Jr. compara Chapecoense com Paraná de 2006 e se anima: 'Fomos para a Libertadores'

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.