Sampaio Corrêa e Tupi fazem duelo de desesperados no Maranhão

Gazeta Press
Divulgação/Sampaio Corrêa
Sampaio Corrêa enfrenta o Tupi nesta terça-feira pela Série B
Sampaio Corrêa enfrenta o Tupi nesta terça-feira pela Série B

"Companheiros" na zona de rebaixamento, Sampaio Corrêa e Tupi se enfrentam nesta terça-feira, às 20h30 (de Brasília), no estádio Castelão, para ganhar alguma esperança na luta contra a queda na Série B.

Lanterna e penúltimo colocado na tabela, Sampaio Corrêa e Tupi, respectivamente, são as únicas equipes da competição que permanecem com menos de dez pontos após 12 rodadas disputadas. Para se ter uma ideia, se somadas as pontuações dos dois clubes, o resultado ainda é um número de pontos menor do que outras 14 equipes do torneio - o que evidencia o fato de que, mesmo vencendo nesta terça, nenhum dos dois times deixa o Z-4.

Apesar de maranhenses e mineiros viverem situação desesperadora na tabela, o Sampaio, que não vence há quatro jogos, tem mais motivos para se preocupar. Com míseros seis pontos somados e uma vitória conquistada, a equipe da casa é o clube que mais perdeu nesta Série B, acumulando também o posto de pior defesa da competição, com 21 gols sofridos.

Para mudar seus rumos na Série B, o Sampaio projeta duas vitórias em casa, contra Tupi e Paysandu. No primeiro destes duelos, diante do Tupi, a equipe maranhense não poderá contar com o volante Diego Lorenzi, expulso na rodada passada, e o meia Daniel Barros, que continua lesionado. Em contrapartida, o atacante Pimentinha deve voltar a ser relacionado, após se recuperar de lesão.

Com três pontos a mais que o rival desta terça-feira, o Tupi, mesmo na vice-lanterna, vem crescendo de produção desde a chegada do técnico Estevam Soares. Sem perder há quatro jogos, sendo três empates, o time, contudo, terá problemas para engatar uma nova vitória na Série B.

Lesionados, o meia Hiroshi e o lateral-direito Henrique são ausências certas. Para o lugar do primeiro, Thiago Silvy deve ser o substituto, porém, para a vaga do segundo, o técnico Estevam Soares tem uma bela dor de cabeça. Para "solucionar" o problema, Estevam deve optar por outra improvisação, mesmo tendo Thiaguinho à disposição.

"Nós já estamos com nosso lateral na zaga, nosso lateral-esquerdo improvisado. Passaram situações na minha cabeça: Recife, Thiaguinho, com Douglas na direita. Mas até pela inatividade do Thiaguinho, nós ficamos com medo. Trouxe o (Vinícius) Kiss para trás e ele acabou dando conta do recado", disse o treinador, após o empate por 1 a 1 com o Avaí, na rodada passada.

FICHA TÉCNICA:
SAMPAIO CORRÊA X TUPI

Local: estádio Castelão, em São Luís (MA)
Data: 28 de junho de 2016 (terça-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Andrey da Silva E Silva (CBF-PA)
Assistentes: Lúcio Ipojucan Ribeiro da Silva de Mattos (CBF-PA) e Luís Diego Nascimento Lopes (CBF-PA)

SAMPAIO CORRÊA: Rodrigo Ramos; Éder Sciola, Wágner, Luiz Otávio e Rafael Estevam; Renan Ribeiro, Léo Gago, Lucas Sotero e Felipe Costa; Jean Carlos e Elias. Técnico: Wagner Lopes

TUPI: Rafael Santos; Douglas, Bruno Costa, Rodolfo Mol e Vinícius Kiss (Recife); Filipe Alves, Marcos Serrato, Rafael Jataí e Jonathan; Thiago Silvy e Rubens. Técnico: Estevam Soares

Comentários

Sampaio Corrêa e Tupi fazem duelo de desesperados no Maranhão

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.