Gabriel Jesus brilha, e Palmeiras goleia Atlético-PR na estreia do Brasileirão

ESPN.com.br
Veja os gols da vitória por 4 a 0 do Palmeiras sobre o Atlético-PR

Valeu a pena esperar três semanas. Este deve ser o pensamento dos mais de 33 mil torcedores palmeirenses que foram até o Allianz Parque neste sábado. Com uma atuação repleta de autoridade, o Palmeiras não encontrou muita dificuldade para vencer o Atlético-PR por 4 a 0 e começar bem a campanha no Campeonato Brasileiro.

Com uma grande partida de Gabriel Jesus, autor de dois gols e uma assistência, e Cleiton Xavier, que participou de todos os tentos, o time alviverde comandou o jogo do começo ao fim. Roger Guedes e Thiago Martins também marcaram.

O Palmeiras volta a jogar exatamente em uma semana. No próximo sábado, novamente às 16 horas, o jogo será contra a Ponte Preta, em Campinas. O Atlético-PR atua no domingo, contra o Atlético-MG. 

dois em sete minutos

O Palmeiras vencia por 1 a 0 na volta do intervalo. Os donos da casa precisaram de apenas sete minutos para aumentar a diferença para 3 a 0. O placar foi um prêmio ao time que procurou mais a partida contra um Atlético-PR defensivo e sem força no contra-ataque.

A folga proporcionou tranquilidade para que os palmeirenses trabalhassem a bola para colocar o campeão paranaense de 2016 na roda. Ainda deu tempo de Gabriel Jesus fazer mais um e completar a festa. 

Walter detona estado do gramado do Allianz Parque: 'Campo péssimo'

Xavier neles

Cleiton Xavier ficou um longo período afastado por lesão e mostrou por que fez falta. O meia participou ativamente dos três primeiros gols do Palmeiras e fez a "bola rodar". 

Primeiro, o camisa 10 fez um ótimo lançamento para Gabriel Jesus, que tocou para Roger Guedes marcar. Em seguida, o meia recebeu pela esquerda e passou para Gabriel Jesus fazer o segundo. No terceiro, Cleiton Xavier cobrou escanteio perfeito na cabeça de Thiago Martins.

já tem polêmica?

A primeira polêmica de arbitragem do Brasileirão saiu logo no dia da estreia da competição. O árbitro Bruno Arleu de Araújo se enrolou na marcação de uma falta e quase prejudicou o Palmeiras.

Ainda no primeiro tempo, Barrios ganhou a disputa com Paulo André fora da área e sairia sozinho com Weverton. O atacante foi derrubado, e o juiz viu simulação. Como já tinha recebido cartão amarelo, o palmeirense seria expulso. No entanto, Bruno Arleu foi alertado pelo auxiliar, voltou atrás ao assinalar a infração a favor dos paulistas e amarelou o zagueiro atleticano.

Cuca diz que Tchê Tchê 'agregou velocidade'; Autuori culpa 'descontrole total' por goleada

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 4 X 0 ATLÉTICO-PR

Local: Estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 14 de maio de 2016, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Thiago Henrique Neto Farinha (ambos do RJ)
Público: 33.629 presentes
Renda: R$ 2.078.159,34
Cartões amarelos: Lucas Barrios, Léo (PAL); Paulo André, Walter e Nikão (APR)
Cartões vermelhos: Léo (APR)

Gols: PALMEIRAS: Roger Guedes, aos 18 minutos do primeiro tempo, Gabriel Jesus, aos 15 segundos do segundo tempo, Thiago Martins, aos seis minutos do segundo tempo, e Gabriel Jesus, aos 41 minutos do segundo tempo

Salvio analisa polêmicas de Palmeiras x Atlético-PR; assista

PALMEIRAS: Fernando Prass; Tchê Tchê, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Matheus Sales, Jean e Cleiton Xavier (Moisés); Roger Guedes (Rafael Marques), Gabriel Jesus e Lucas Barrios (Alecsandro)
Técnico: Cuca

ATLÉTICO-PR: Weverton; Léo, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Jadson (Hernani) e Vinícius (Pablo); Ewandro, Nikão e Walter
Técnico: Paulo Autuori

Comentários

Gabriel Jesus brilha, e Palmeiras goleia Atlético-PR na estreia do Brasileirão

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.