Morre o ex-atacante Zé Roberto, ídolo de Coritiba e Atlético-PR

ESPN.com.br
Divulgação/Coritiba Foot Ball Club
Ze Roberto Comemora Gol Coritiba
Zé Roberto comemora gol pelo Coritiba

Um dia antes da final do Campeonato Paranaense, os rivais Coritiba e Atlético-PR choraram juntos. Neste sábado, faleceu, aos 70 anos, o ex-atacante Zé Roberto, ídolo das duas equipes. Ele estava internado na UTI de um hospital em Serra Negra, no interior de São Paulo, com dores abdominais, mas não resistiu e veio a falecer.

"Após iniciar a carreira nas divisões de base do Botafogo de Ribeirão Preto, Zé Roberto foi lançado ao profissional pelo São Paulo. Com passagem também pelo Atlético-PR, antes de se tornar ídolo do Verdão, Zé Roberto é sem dúvida uma das maiores referências do futebol do Paraná", escreveu o "Coxa", em seu site oficial.

Além de atuar pela dupla da capital paranaense, Zé Roberto vestiu a camisa da seleção brasileira nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 1964.

Pelo Coritiba, ele foi tetracampeão paranaense, além de ter feito 72 gols em 146 partidas com a camisa alviverde, tornando-se o 7º maior artilheiro da história do time.

"Além de ser um artilheiro sem igual dentro de campo, Zé Roberto carregava consigo todo o folclore de ser um jogador boêmio e adorado por praticamente todos aqueles foram seus companheiros de equipe", descreveu o "Coxa".

Zé Roberto deixa três filhos, dois netos e dois bisnetos.

Confira a nota de pesar do Coritiba:

Às vésperas da grande final do Campeonato Paranaense de 2016, o Coritiba lamenta profundamente o falecimento do ex-atacante do clube, Zé Roberto, que marcou época com a camisa coxa-branca na década de 70. Aos 70 anos, o ex-jogador morreu na manhã deste sábado (07), na cidade de Serra Negra, no interior do estado de São Paulo.

José Roberto Marques defendeu o Coritiba entre os anos de 71 e 74, em 146 oportunidades. Foi tricampeão paranaense e campeão do Torneio do Povo. O ex-atacante anotou 72 gols pelo Verdão, tornando-se sétimo maior artilheiro da história do clube.

Após iniciar a carreira nas divisões de base do Botafogo de Ribeirão Preto, Zé Roberto foi lançado ao profissional pelo São Paulo. Com passagem também pelo Atlético-PR, antes de se tornar ídolo do Verdão, Zé Roberto é sem dúvida uma das maiores referências futebolísticas do futebol do estado Paraná.

Além de ser um artilheiro sem igual dentro de campo, Zé Roberto carregava consigo todo o folclore de ser um jogador boêmio e adorado por praticamente todos aqueles foram seus companheiros de equipe.

A diretoria coxa-branca, em nome de atletas, comissão técnica e corpo funcional, transmite suas condolências à família. O local do velório e do enterro não foram confirmadas. A causa da morte ainda não foi confirmada.

Comentários

Morre o ex-atacante Zé Roberto, ídolo de Coritiba e Atlético-PR

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.