Em 'racha' com Levir, Fred pede R$ 1 milhão por mês e 'respeito' após recusar China

Marcus Alves, do ESPN.com.br
Gazeta Press
Fred pode deixar as Laranjeiras após sete anos de clube
Fred pode deixar as Laranjeiras após sete anos de clube

A diretoria do Fluminense pretende discutir nesta segunda-feira a situação de Fred. O futuro do centroavante nas Laranjeiras se encontra em aberto após reunião no último sábado em que ele expôs o desconforto com Levir Culpi e deixou claro que não pretende atuar mais sob o seu comando. O mal-estar passa, sobretudo, pela sensação de não estar sendo valorizado após rejeitar oferta da China.

A princípio, o atleta de 32 anos cobrava reconhecimento financeiro pelo 'não'.

Com contrato até 2018, ele pediu aumento de 25% em seus vencimentos de R$ 800 mil mensais e recebeu a promessa de que a possibilidade seria estudada.

A Dry World, nova fornecedora do clube, sinalizou inicialmente com a chance de torná-lo embaixador da marca no Brasil e, assim, bancar a diferença salarial que faria o valor chegar a cerca de R$ 1 milhão por mês.

Ao voltar de lesão recente, Fred se sentiu 'desprestigiado' também em campo.

Ao todo, ele foi substituído em quatro dos cinco jogos em que participou e viu a sua seca de gols chegar a 60 dias no mesmo período em que o time embalou uma sequência de 11 partidas de invencibilidade e confirmou vaga nas semifinais do Campeonato Carioca e decisão da Primeira Liga.

Para completar, mesmo sendo considerado uma liderança positiva pelos colegas, foi 'desautorizado' em cobrança no intervalo da vitória de 3 a 1 sobre o Madureira, em 4 de abril. Levir Culpi não aprovou a forma com que o centroavante se dirigiu ao meia Gustavo Scarpa e ameaçou sacá-lo de campo.

Levir revela 'espanto' com possível atrito com Fred e sugere ajuda ao atacante

O treinador de 63 anos não abre mão do controle do vestiário e, ao contrário de seus antecessores, não dá ao seu capitão a liberdade de conversar sobre tática e interferir em seu trabalho.

Ele teve a sua saída selada do Atlético-MG, em 2015, em episódio em que 'barrou' o presidente Daniel Nepomuceno no espaço após uma derrota.

"Será que é preciso que você pergunte para o professor quem vai dar aula? O professor é quem vai dar aula. Cada um faz sua parte, e o Fred me conhece. Questão de decidir sobre substituição e esquema tática é comigo", disse Levir neste domingo, após a vitória de 2 a 0 sobre o Volta Redonda.

Veja os gols da vitória do Fluminense sobre o Volta Redonda por 2 a 0 

"Só não quero ninguém infeliz aqui. Eu vim aqui para trazer alegria para os caras, para me sentir bem, ser campeão e deixar todo mundo crescer como profissional. Esse é meu interesse. Agora, não é possível um técnico passar por um clube e agradar a todos os profissionais. Eu estou aberto também às contrariedades. Isso faz parte do nosso trabalho", ressaltou. Ele teve apoio da torcida no estádio Raulino de Oliveira.

"Ei, você aí, avisa para o Fred que quem manda é o Levir", gritaram nas arquibancadas.

Fred foi liberado pela diretoria e se reapresenta somente na próxima terça-feira.

Não está descartada a possibilidade de sua negociação. Pode ser o fim do casamento de sete anos.

Comentários

Em 'racha' com Levir, Fred pede R$ 1 milhão por mês e 'respeito' após recusar China

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.