Flamengo busca empate com Botafogo, mas segue fora do G-4 do Carioca

ESPN.com.br
Assista aos gols do empate entre Flamengo e Botafogo por 2 a 2!

A situação complicada do Flamengo na Taça Guanabara de 2016 deve se perpetuar por mais algum tempo. Neste sábado, jogando no Estádio Mário Heleno, em Juiz de Fora-MG, a equipe rubro-negra foi valente, buscou empatou em 2 a 2 com o Botafogo em clássico válido pela quinta rodada, mas segue fora do G-4 do Estadual.

Com a igualdade, o time treinado por Muricy Ramalho chegou a seu sexto jogo consecutivo sem vitórias, contando Primeira Liga, Carioca e Copa do Brasil, ficou estacionado na sexta colocação com apenas seis pontos ganhos e não depende mais de si mesmo para ir à próxima fase.

Ricardo Gomes, após empate com Fla: 'Jogamos pouco, lutamos muito'

O Fla pode se distanciar ainda mais do G-4 da Taça Guanabara caso o Fluminense, terceiro lugar, vença o Madureira, ainda hoje, às 18h30 (de Brasília), no Moacyrzão, e o Volta Redonda - quarto - surpreenda o Vasco, fora de casa, amanhã, às 16h (de Brasília).

Já o "Fogão", que havia se reabilitado da derrota por 1 a 0 para o Vasco, ficou apenas na terceira colocação da competição estadual com oito pontos, mesmo número do rival tricolor.

xerifão marca, mas fla faz pintura

Gazeta Press
Joel Carli Botafogo Comemora Gol Flamengo Futebol Campeonato Carioca 02/04/2016
Joel Carli marcou o primeiro do Botafogo

O Botafogo não demorou muito para abrir o placar no Mário Heleno. Após esboçar um pequeno sufoco à defesa rubro-negra, o time alvinegro chegou ao primeiro gol por meio do zagueiro Joel Carli.

O 'xerifão' argentino recebeu cruzamento da direita de Salgueiro, viu Paulo Victor falhar feio em saída errada e colocou o pé direito para fazer 1 a 0. Esse foi seu segundo jogo consecutivo marcando gol.

Pouco depois, após pressão absurda do Flamengo, a equipe chegou ao empate. E com uma verdadeira pintura!

Rodinei cruzou da direita, a defesa afastou para a entrada da grande área e Alan Patrick, livre de marcação, chutou firme de perna esquerda, no ângulo de Jéfferson, que nada pode fazer para evitar a igualdade.

guerrero mal e jefferson 'santo'

E 2016 não é realmente o ano de Paolo Guerrero com a camisa do Flamengo até aqui. Já no último clássico contra o Vasco ele perdeu gols incríveis, se envolveu em confusão com o zagueiro Rodrigo e, hoje, passou em branco.

Em seu lance mais claro na partida, o camisa 9 recebeu presente do zagueiro Renan Fonseca, saiu cara a cara com Jefferson, e chutou em cima do arqueiro alvinegro, que salvou no puro reflexo.

O goleirão, inclusive, foi um dos nomes da partida com, pelo menos, três defesas incríveis na primeira etapa, como em falta cobrada por Alan Patrick na furquilha e cabeçada no chão, à queima-roupa, de Éderson.

Ederson diz que Fla tem jogado bem, apesar dos resultados; Alan Patrick comemora evolução

de vilão a heroi? não!

No segundo tempo, Paulo Victor poderia virar heroi do Flamengo após falhar feio no gol botafoguense. Aos nove minutos, Rodrigo Lindoso invadiu a área e foi derrubado por Wallace. O árbitro marcou pênalti, cobrado pelo próprio volante.

O arqueiro rubro-negro até pegou a penalidade, mas, por azar, ela sobrou para Fernandes, que pegou o rebote e deu a assistência para o camisa 5, aliviado, colocar a bola par ao fundo do gol e desempatar.

Os flamenguistas até reclamar de invasão da joia adversária, mas a arbitragem não quis ouvir os protestos e validou o segundo tento.

Se segurando pelo empate, o Botafogo levou um balde de água fria aos 36 minutos. Gabriel dominou no bico da grande área e cruzou na medida. Consciênte, Cirino cabeceou para baixo e venceu Jefferson para colocar um ponto final na partida.

O que vem por ai?

Na próxima rodada, no domingo, às 18h30 (de Brasília), o Botafogo recebe o Bangu, vice-lanterna da Taça Guanabara, em São Januário, para definir sua classificação à semifinal. Já o Flamengo, no sábado, enfrenta o Boavista, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, em duelo direto contra o quinto colocado do Carioca.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 2 FLAMENGO

Local: Estádio Municipal Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG)
Data: 2 de abril de 2016 (Sábado)
Horário: 16h (de Brasília)
Renda: R$ 811.510,00
Público: 16.150 pagantes
Árbitro: Luis Antonio Silva dos Santos (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Wagner de Almeida Santos (RJ)

Cartões amarelos: Cuellar, Juan (Fla); Renan Fonseca, Bruno Silva, Joel Carli, Gegê, Fernandes (Bota)

Gols:
BOTAFOGO:
Joel Carli, aos 13min do 1º tempo. Lindoso, aos 10min do 2º tempo
FLAMENGO: Alan Patrick, aos 32min do 1º tempo. Marcelo Cirino, aos 36min do 2º tempo

BOTAFOGO: Jéfferson, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Joel Carli e Diogo Barbosa; Aírton (Fernandes), Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Gegê; Juan Salgueiro (Neilton) e Ribamar (Luis Henrique)
Técnico: Ricardo Gomes

FLAMENGO: Paulo Victor, Rodinei, Juan, Wallace e Jorge; Gustavo Cuéllar, Willian Arão e Ederson (Emerson Sheik); Alan Patrick (Gabriel), Marcelo Cirino e Paolo Guerrero (Felipe Vizeu)
Técnico: Muricy Ramalho

Comentários

Flamengo busca empate com Botafogo, mas segue fora do G-4 do Carioca

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.