Falta experiência? Apenas 3 dos convocados de Dunga já jogaram eliminatórias

Rafael Valente, de Viamão (RS), para o ESPN.com.br
Lucas Figueiredo / MoWA Press
Gabriel e Philippe Coutinho são dois dos novatos da seleção
Gabriel e Philippe Coutinho são dois dos novatos da seleção

Nas palavras do técnico Dunga, a atual edição das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018 é a mais difícil da história e por isso a seleção brasileira tem sofrido. Os jogadores avaliam da mesma forma e usam o pensamento para justificar a campanha irregular do Brasil no torneio - a equipe empatou com o Uruguai por 2 a 2, na última sexta-feira, e jogará pressionada diante do Paraguai, na próxima terça-feira.

O discurso do treinador, no entanto, não corresponde ao que ele faz na prática. Com uma equipe renovada, Dunga conta com um grupo bastante inexperiente nas eliminatórias: apenas três jogadores dos 23 convocados já jogaram a competição.

O restante estreou neste edição da competição, incluindo David Luiz e Neymar, que, suspensos do jogo no Paraguai, já foram dispensados pelo treinador.

Os veteranos no assunto são o lateral direito Daniel Alves, 32, o zagueiro Miranda, 31, e o atacante Ricardo Oliveira, 35 - todos devem ser titulares contra o Paraguai, em Assunção.

Daniel Alves e Miranda estiveram nas eliminatórias para a Copa de 2010, na África do Sul, mas apenas o lateral do Barcelona foi chamado por Dunga para o Mundial. Já o atacante do Santos jogou a edição que definiu os classificados à Copa de 2006, na Alemanha. Depois também ficou fora da lista final de Carlos Alberto Parreira para o Mundial.

A falta de experiência tem sido apotada pelos jogadores como um dos motivos para a seleção ter se apresentado com tanto nervosismo na partida contra o Uruguai, que terminou empatado por 2 a 2, na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, na última sexta.

A equipe canarinho chegou a estar vencendo por 2 a 0. Levou o empate em falhas do zagueiro David Luiz e por pouco não sofreu a virada nos minutos finais. Além disso, o atacante Neymar e o zagueiro David Luiz receberam cartão amarelo, o segundo deles no torneio, motivo pelo qual não vão encarar o Paraguai, nesta terça-feira.

"É uma situação que temos de aprender o mais rápido possível. Aprender como funcionam os jogos das eliminatórias. Muitos lances que são considerados faltas aqui não são faltas na Europa. Isso causa irritação e frustração em alguns jogadores. Mas temos de aprender isso. Quando estivermos preparados para essas situações o jogo ficará mais simples", disse Luiz Gustavo, que atua no alemão Wolfsburg e disputa as eliminatórias pela primeira vez.

Neymar é um dos que mais sofrem com as faltas não marcadas. Além disso, os dois cartões que sofreu foram em situações sem justificativa. Na vitória brasileira sobre o Peru, em novembro, foi punido por revidar uma falta. Contra o Uruguai o cartão foi recebido após solar o volante González também minutos depois de receber uma falta ignorada pela arbitragem.

Dos atuais 23 convocados de Dunga, seis jogam no futebol brasileiro, dois na China e 15 no futebol europeu. Dos titulares, sete atuam na Europa.

Lucas Figueiredo / MoWA Press
Um dos mais experientes, Ricardo Oliveira domina a bola no peito
Um dos mais experientes, Ricardo Oliveira domina a bola no peito

POUCA EXPERIÊNCIA

Outra característica na seleção de Dunga é que não são todos os jogadores que têm experiência em torneios: 15 dos 23 já disputaram alguma competição oficial. 

O mais experiente é Daniel Alves, que já jogou duas Copa do Mundo (2010 e 2014), duas Copa das Confederações (2009 e 2013) e três Copas Américas (2007, 2011 e 2015).

Os goleiros Alisson e Diego Alves, os zagueiros Felipe e Gil, os laterais Danilo e Alex Sandro, os meias Lucas Lima e Renato Augusto e os atacantes Jonas e Gabriel nunca tiveram qualquer contanto com um torneio oficial pela seleção - exceto jogos da atual eliminatórias.

Comentários

Falta experiência? Apenas 3 dos convocados de Dunga já jogaram eliminatórias

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.