Brasil tem 23.238 jogadores que ganham até R$ 1.000, e um que fatura mais de R$ 500 mil

ESPN.com.br
Divulgação
Atlético-MG Guarani-MG Futebol Campeonato Mineiro Flickr 13/02/2016
Duelo mineiro entre Atlético Guarani no campeonato estadual deste ano

Nesta terça-feira, a CBF divulgou números referentes aos jogadores profissionais em 2015 para "ajudar a entender as atividades e a realidade do futebol brasileiro".

Assim, a confederação lançou o Relatório DRT 2015, feito por sua Diretoria de Registro e Transferência, com estatísticas interessantes sobre o esporte bretão.

O Brasil possui 28.203 jogadores sob contrato no futebol, sendo que 23.238 deles (82,4%) ganham até R$ 1.000,00 de salário. Já 3.859 atletas (13,68%) recebem por mês entre R$ 1.001,00 e R$ 5.000,00.

Isso significa que 96,08% dos futebolistas brasileiros ganham até 5,7 salários mínimos (hoje o valor de um salário mínimo é de R$ 880).

O número de jogadores na elite é bem menor, tendo apenas um recebendo mais de R$ 500.000,01 por mês; 35 (0,12%) possuem vencimentos entre R$ 200.000,01 e R$ 500.000,00; 78 recebem salário entre R$ 100.000,01 e R$ 200 mil.

Vale lembrar que é o salário em carteira a ser registrado na CBF - com direitos de imagem, provavelmente, outros atletas ganham acima de meio milhão.

No ano passado a CBF contabilizou 776 clubes profissionais, 435 amadores e 27 formadores. O número de atletas estrangeiros ficou em 83.

Reprodução
Divisão dos salários dos jogadores em 2015 segundo diretoria de registros da CBF
Divisão dos salários dos jogadores em 2015 segundo diretoria de registros da CBF
Comentários

Brasil tem 23.238 jogadores que ganham até R$ 1.000, e um que fatura mais de R$ 500 mil

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.