Após semana tensa, Rodrigo Caio marca, e São Paulo vence na volta de Lugano

ESPN.com.br
Assista ao gol da vitória do São Paulo sobre o Rio Claro por 1 a 0

Após uma semana tensa, o São Paulo se reencontrou com a vitória neste domingo. No estádio do Pacaembu, a equipe tricolor superou o Rio Claro por 1 a 0 em duelo válido pela quinta rodada do Campeonato Paulista. Rodrigo Caio, na segunda etapa, fez o único gol do jogo.

Os comandados de Edgardo Bauza estão com sete pontos, na terceira posição do grupo C do Estadual. O clube ainda disputará no dia 1º de março o jogo atrasado contra o Mogi Mirim. Já o Rio Claro é o último no grupo D, com quatro pontos, e é uma das seis equipes que estariam rebaixadas para a Série A2 hoje.

O triunfo alivia um pouco o ambiente conturbado do São Paulo. Na última semana, o clube perdeu o clássico para o Corinthians e foi derrotado em casa na estreia da Libertadores da América.

O ESPN.com.br ainda revelou que atrasos nos pagamentos de salários e prêmios provocaram um pacto de silêncio entre os jogadores. O acordo chegou a dividir o elenco sobre o que fazer após o revés para os bolivianos.

PROTESTO

Antes do começo da partida, um grupo de torcedores do clube fez um protesto após os recentes acontecimentos. Michel Bastos foi o principal alvo entre os jogadores - um homem, sósia do meia, vestia uma camisa com o número sete escrito "migué". Os dirigentes também não foram perdoados: alguns usavam uma camisa com a palavra "mafiosos" e seguravam notas de dinheiro.

Assista aos protesto de torcedores do São Paulo no Pacaembu

Lugano sem faixa

Voltando a vestir a camisa do São Paulo pela primeira vez desde 2006, o zagueiro Lugano não reestreou com a faixa de capitão no braço. A tarja na partida ficou com o goleiro Denis.

Havia uma certa expectativa de que Lugano herdasse a faixa para a partida. Michel Bastos, capitão do time desde a chegada do técnico Edgardo Bauza, sequer foi relacionado para o duelo e deixou o posto "vago".

O ídolo da torcida são-paulina teve uma estreia relativamente tranquila e não comprometeu em nenhum momento.

muita posse, mas só uma grande chance

O primeiro tempo do jogo foi como outras partidas do São Paulo na atual temporada. Com muita posse de bola - a equipe terminou os primeiros 45 minutos com 60% -, faltava criatividade para furar o bloqueio do Rio Claro e criar chances claras.

A melhor oportunidade veio aos 25 minutos. Depois de bola cruzada na área, Hudson dominou e passou para trás. Mena chutou forte e o goleiro Lucas fez boa defesa. No rebote, Centurión tentou cruzar duas vezes, mas acabou bloqueado pela defesa em ambas as tentativas.

Ao Rio Claro, sobraram os contra-ataques e os chutes de fora da área. Ne melhor finalização, aos 27 minutos, Romarinho escapou da marcação na intermediária e chutou forte. A bola passou perto da trave direita de Denis.

gol de rodrigo caio

Após uma primeira etapa pouco produtiva, o São Paulo precisou de apenas cinco minutos para criar uma grande chance e abrir o placar. Primeiro, aos três minutos, Carlinhos invadiu a área pela esquerda e encheu o pé para ótima defesa do goleiro Lucas.

Aos cinco minutos, o mesmo Carlinhos - que jogou como meio-campista, na vaga de Michel Bastos - cobrou falta pelo lado direito do ataque. Rodrigo Caio apareceu bem e cabeceou para fazer 1 a 0.

Foi o primeiro gol do zagueiro na temporada. Na comemoração, ele abraçou Lucão, seu companheiro de posição e que cedeu sua vaga para Lugano na partida.

agenda

As duas voltam a jogar na próxima quarta-feira pelo Campeonato Paulista. O São Paulo jogará às 19h30 contra o Novorizontino no Pacaembu. Já o Rio Claro enfrentará o Oeste de Itápolis às 21h45, no estádio dos Amaros.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 1 X 0 RIO CLARO


Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 21 de fevereiro de 2016, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: José Claudio Rocha Filho (SP)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse e Diogo Correia dos Santos (ambos de SP) Público: 7.066 pagantes
Renda: R$ 315.060,00
Cartões amarelos: Lugano (São Paulo); Léo Costa, Tiago Cristian e Maurício (Rio Claro) Gol: SÃO PAULO: Rodrigo Caio, aos cinco minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Denis; Bruno, Lugano, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Centurión (Wesley), Paulo Henrique Ganso (Rogério) e Carlinhos (João Schmidt); Caller. Técnico: Edgardo Bauza

RIO CLARO: Lucas Frigeri; Luis Felipe, Alex Silva, João Gabriel e Felipe Saturnino; Maurício, Jean Patrick (Elsinho), Tiago Cristian (João Luiz) e Léo Costa (Fabrício); Lucas Xavier e Romarinho Técnico: Sérgio Guedes

Comentários

Após semana tensa, Rodrigo Caio marca, e São Paulo vence na volta de Lugano

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.