Ídolo na Europa, Geromel 'se apresenta' ao Brasil e quebra jejum do Grêmio na zaga

André Donke e Igor Resende, do ESPN.com.br
Bola de Prata: Pedro Geromel, do Grêmio

Há duas temporadas, era bem mais provável que o nome Pedro Geromel atraísse mais atenção em Portugal ou na Alemanha do que no Brasil. Não mais. Sinônimo de solidez defensiva, ele comandou mais uma vez uma das equipes menos vazadas do Brasileirão e quebrou um jejum de 19 anos do Grêmio na zaga do Bola de Prata.

Um ‘jejum' bem do Grêmio, historicamente uma zaga forte e consistente. Com Geromel, o time conseguiu, enfim, fazer jus a essa história: teve a melhor defesa do Brasileirão de 2014 e a segunda melhor de 2015. O clube gaúcho não levava o troféu desde 1996, quando Adilson foi eleito um dos melhores daquele ano.

O mais curioso é que Geromel não é nenhuma revelação. Longe disso: já tem 30 anos de idade. No Brasil, porém, só tinha jogado em categorias de base, por Portuguesa e Palmeiras. Acabou construindo sua carreira profissional em Portugal e na Alemanha, onde foi ídolo de duas torcidas (Vitória de Guimarães e Colônia).

Gil e Geromel dedicam o prêmio de Bola de Prata aos seus respectivos clubes

Um reconhecimento até que tardio para um zagueiro tão bom. Mas antes tarde do que nunca.

REGULAMENTO DO BOLA DE PRATA

Jornalistas da Placar e da ESPN assistem a todas as partidas do Brasileirão e atribuem notas de 0 a 10 aos jogadores. Receberão a Bola de Prata os craques que tenham sido avaliados em pelo menos 16 partidas. Jogadores que deixaram o clube antes do fim do campeonato estarão fora da disputa. Em caso de empate, leva o prêmio quem tiver o maior número de partidas. Ganhará a Bola de Ouro aquele que obtiver a melhor média.

Comentários

Ídolo na Europa, Geromel 'se apresenta' ao Brasil e quebra jejum do Grêmio na zaga

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.