'Intranquilo' com fisco, pai diz que Neymar pode deixar o Barcelona

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
EFE
Neymar vive grande fase com a camisa do Barcelona
Neymar vive grande fase com a camisa do Barcelona

Algumas estrelas do futebol mundial têm sofrido pressão por acusações de sonegação de impostos, especialmente no Barcelona. Tanto Neymar quanto Messi são investigados por fraudes do tipo, e Mascherano já admitiu tê-lo feito. Para o pai do brasileiro, tais problemas podem comprometer o futuro do camisa 11 na equipe catalã.

"Queremos ter a tranquilidade de saber que estamos fazendo tudo certo. Essa falta de compreensão nos deixa muito inseguros e intranquilos. Devemos fazer as coisas corretamente e saber se nos deixam trabalhar na Espanha, ou então saímos. Não quero falar de perseguição, mas não temos uma situação confortável para trabalhar e assim não poderemos ficar na Espanha. Se estamos criando problemas, não poderemos ficar. Nunca tive problemas fiscais tão grandes", afirmou "Neymar pai" à rádio espanhola Cadena Ser.

Com suspeita de irregularidades em sua transferência do Santos para o Barcelona, em 2013, o camisa 10 da seleção brasileira é investigado tanto pela Justiça brasileira quanto pela espanhola, sob suspeita de ter recebido valores ilícitos e sonegado impostos na transação. As empresas ligadas a seu nome também têm suas atividades verificadas pelo Ministério Público do país ibérico.

Em decorrência das investigações, Neymar chegou a ter R$ 188 milhões de seus bens bloqueados pela Justiça brasileira em setembro. Como a apuração das suspeitas ainda está em andamento, tal valor das posses do astro seguiu congelado, e ele recorrerá ao Superior Tribunal de Justiça para tentar reverter o bloqueio.

Já dentro de campo, o brasileiro desfruta de grande fase na equipe catalã, crescendo durante a ausência de Messi, que estava contundido e agora se encontra em fase final de recuperação.

Pensando em renovação, o camisa 11 tem vínculo com o Barça até o meio de 2018 e busca uma valorização salarial para ampliá-lo. Essa também é a vontade da diretoria blaugrana, mas os problemas fiscais colocam um ponto de interrogação sobre o futuro do atleta.

"Estamos conversando sobre renovação, mas há coisas pendentes para resolver que nos deixam um pouco intranquilos. Devemos saber se a Espanha aceita nossa situação. É duro para nós, porque estamos recebendo muitos ataques, tanto no Brasil quanto na Espanha, por assuntos de fiscalidade tributária. Cuidamos da imagem de Neymar lá do Brasil. Não queremos ficar dois, três, quatro, cinco ou dez anos na Espanha para que depois nos peguem de surpresa dizendo que estamos fazendo as coisas da maneira errada", concluiu o pai e gerente dos bens de Neymar.

Comentários

'Intranquilo' com fisco, pai diz que Neymar pode deixar o Barcelona

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.