Uefa rebate alertas sobre Euro e diz que ameaça terrorista sempre existiu

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
FRANCK FIFE/AFP/GETTY IMAGES
Atentado de Paris preocupou os organizadores da Eurocopa
Atentado de Paris preocupou os organizadores da Eurocopa

Enquanto o mundo do futebol volta as suas preocupações para a Eurocopa de 2016, a ser sediada pela França, a Uefa admite que a ameaça terrorista sempre existiu e que não deve ser motivo para o cancelamento do torneio.

"Enquanto não temos qualquer motivo para acreditar que a Euro possa ser alvo de qualquer ataque, a potencial ameaça terrorista sempre foi levada em conta desde o início do projeto. Os comitês organizadores do torneio vão continuar seu trabalho para monitorar o nível de risco regularmente", explicou a principal entidade responsável pelo evento em nota oficial.

A resposta da Uefa nesta segunda-feira foi dada poucas horas depois das declarações receosas de Just Fontaine, ex-atacante da seleção francesa e artilheiro da Copa do Mundo de 1958. Personalidade no futebol da França, ele foi cético ao apontar a confiança do público em voltar ao Stade de France.

"Há três anos, a organização da Euro 2016 vem trabalhando junto às autoridades relevantes para desenvolver os mecanismos de segurança mais apropriados para o torneio. Estamos confiantes de que as medidas necessárias serão tomadas para garantir isso", encerrou a Uefa.

 

Comentários

Uefa rebate alertas sobre Euro e diz que ameaça terrorista sempre existiu

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.