Sem rodízio, nem 'invenções': Doriva já avisa que tem estilo diferente de Osorio

Igor Resende, de São Paulo (SP), para o ESPN.com.br
Doriva falou pela primeira vez como treinador do São Paulo

A era Osorio realmente chegou ao fim no São Paulo. Um dia após o colombiano se despedir do clube, Doriva já chegou, comandou seu primeiro treino e avisou: tem um estilo bem diferente do ex-comandante tricolor.

O novo técnico são-paulino teve de encarar perguntas sobre as duas maiores polêmicas do antecessor e já mostrou que tem um estilo de pensar bem diferente: nada mais de rodízio e nem de improvisações no time.

"Eu gosto de repetição, de ter uma equipe base e repeti-la. Logicamente que em alguns momentos temos que trocar algum jogador por causa da sequência e da oscilação - e a gente tem um centro científico muito bom para nos monitorar e nos passar as informações. Mas penso que com a repetição das formações é que vem o entrosamento", disse Doriva sobre o rodízio que o colombiano costumava aplicar.

"A gente tem que trabalhar diretamente com os atletas, mas não tenho muito o habito de fazer improvisações. As vezes, as circunstancias te obrigam a improvisar e a gente vai avaliar isso bem. O Osorio tinha as convicções dele por estar trabalhando com os atletas. Mas, de antemão: não é uma linha que utilizo", completou, deixando de lado outra grande marca do colombiano.

De fato, Doriva mostrou um pouco disso tudo em sua primeira atividade no comando da equipe. Carlinhos, que chegou a atuar como atacante pela direita, voltou à lateral-esquerda. Breno, que era volante com Osorio, atuou como zagueiro. E a tendência é de que isso continue se repetindo agora.

O novo treinador também falou um pouco do estilo de jogo que gosta. E colocou a competitividade e o comprometimento em primeiro lugar.

"Gosto de uma equipe que seja competitiva, comprometida. O futebol moderno exige isso. No treinamento a gente usa as variantes que a gente vai suar no jogo. Normalmente utilizo 4-2-3-1, variando para o 4-1-4-1. Dificilmente uso três volantes, mas as vezes o jogo te obriga a isso. Gosto muito de trabalhar um treinamento não tão longo, mas intenso", finalizou, descrevendo o modo como trabalha.

Comentários

Sem rodízio, nem 'invenções': Doriva já avisa que tem estilo diferente de Osorio

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.