Falante, bom de bola e incentivador: Doriva comanda 1º treino sob olhares de Aidar

Igor Resende, de São Paulo (SP), para o ESPN.com.br
Gazeta Press
Doriva comandou o primeiro treino no São Paulo e mostrou habilidade
Doriva comandou o primeiro treino no São Paulo e mostrou habilidade

Sai Juan Carlos Osório, entra Doriva. Um dia depois da despedida do colombiano, o São Paulo já teve um novo treinador à beira do gramado para comandar o treino desta quinta-feira. E tudo sob os olhares do presidente Carlos Miguel Aidar, que chegou logo no começo e observou toda a atividade do banco de reservas.

E Doriva comandou de verdade o seu primeiro treinamento no clube tricolor. Muito falante, orientou os jogadores do começo ao fim e focou bastante em atividades de ataque contra a defesa, em um campo reduzido. De quebra, ainda mostrou muita habilidade para bater na bola.

Afinal de contas, era Doriva quem iniciava todas as jogadas do treinamento, a maioria delas com lançamentos um pouco mais longos para os atletas que deveriam atacar. Vale lembrar que ele foi volante e começou sua carreira justamente pelo São Paulo, onde chegou a ser campeão mundial em 1993.

Se mostrou o que sabia fazer com a bola, Doriva também falou e cobrou muito dos jogadores. O treinador gritou bastante durante a atividade e parou o treinamento algumas vezes para corrigir posicionamento. Gritava, também, para incentivar os jogadores. "Boa, Luís", "Isso, Bruno, tá ligado!" foram algumas das frases que soltou para os novos comandados.

"É a minha maneira de trabalhar. Estou sempre exigindo uma intensidade. É isso que vai fazer o jogo ser intenso também. Gosto de motivar, corrigir, mobilizar pra que o treino fique prazeroso. O São Paulo está bem e a gente pretende continuar bem", explicou logo em seguida na entrevista coletiva, recebendo elogios de Aidar.

"Mesmo sendo só a primeira atividade, foi muito intensa. Gostei muito do que vi", disse o presidente.

Time titular? Ainda não dá para saber, mas já houve um indício do que pode acontecer nesta quinta. Logo nas primeiras formações, Doriva escalou a defesa com Bruno, Breno, Lucão, Carlinhos e Hudson. No ataque, colocou Thiago Mendes, Ganso, Rogério, Alexandre Pato e Luis Fabiano. Michel Bastos, com uma lesão na coxa, ficou se tratando.

Comissão nova - Doriva não foi a única novidade desta quinta. O ex-treinador da Ponte Preta trouxe consigo ao São Paulo o auxiliar Eduardo de Souza e o preparador físico Anselmo Sbragia.

Comentários

Falante, bom de bola e incentivador: Doriva comanda 1º treino sob olhares de Aidar

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.