Atraso em 'delivery' veta transferência de De Gea ao Real Madrid

ESPN.com.br
Getty
De Gea deve permanecer no Manchester United
De Gea deve permanecer no Manchester United

Um atraso resultou no fracasso de uma das principais transferências do mercado europeu. Na noite desta segunda-feira, o contrato assinado por David De Gea com o Real Madrid não chegou a tempo na Liga Espanhola de Futebol (LFP), que encerrou a janela sem confirmar o acordo entre os merengues e o Manchester United.

No último dia de transferências, Real e Manchester entraram em acordo por De Gea. Interessado no goleiro espanhol desde o início do mercado, o atual vice-campeão da Liga brigou por semanas para contratar o jogador, mas convenceram os ingleses somente nesta segunda-feira.

Para ceder De Gea, o Manchester United colocou Keylor Navas, goleiro titular do Real nas duas primeiras rodadas do Espanhol, como compensação. O time espanhol aceitou, mas a negociação fracassou em virtude do fim do mercado de transferências no país ibérico.

Os clubes trocam acusações. O Manchester United, segundo a imprensa inglesa, garante ter cumprido com o acordo e enviado a documentação a tempo. O Real Madrid, no entanto, reclama do envio do contrato.

Desta forma, De Gea permanece no Manchester United pelo menos até dezembro. Já Keylor Navas, que entrou no negócio como moeda de troca, deverá seguir como titular - a não ser que o clube britânico brigue pela contratação, já que a janela na Inglaterra encerra só na terça-feira.

Comentários

Atraso em 'delivery' veta transferência de De Gea ao Real Madrid

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.