Bi mundial, Cielo fica sem medalha nos 50m borboleta em Kazan; Nicholas Santos é prata

ESPN.com.br
Getty
Nicholas Santos e Mandou Mundial Kazan
Nicholas Santos (à esq.) foi prata nos 50m borboleta; Florence Manadou conquistou o ouro

O Brasil conquistou sua primeira medalha na natação no Campeonato Mundial de esportes aquáticos de Kazan, na Rússia, nesta segunda-feira, mas não foi com Cesar Cielo. Bicampeão mundial, o brasileiro foi apenas o sexto com 23s21.

Cielo já havia sido campeão da prova no Mundial de Xangai, em 2011, e no Mundial de Barcelona, em 2013. Em Kazan, ele ainda nadará a sua principal prova, os 50m livre, nesta sexta-feira. O brasileiro já havia tido dificuldades na classificatória: classificou-se apenas com o oitavo e último tempo.

A medalha do Brasil no Mundial de Kazan foi de prata e veio com Nicholas Santos. O brasileiro nadou muito bem e foi o segundo mais rápido, com tempo de 23s09, atrás de Florence Manadou. O francês cofirmou seu favoritismo e conquistou o ouro com 22s97. O húngaro Laszlo Cseh foi o terceiro e completou o pódio (23s15).

Getty Images
Mundial de Esportes Aquáticos Natação Cielo 50m borboleta Eliminatórias Kazan Rússia 02/08/15
Cesar Cielo foi apenas o sexto nos 50m borboleta

"Eu estava bem mais tranquilo e consciente do que eu queria fazer. É uma final de Mundial, com Manaudou, Cielo... Entrei para fazer o meu melhor e fiquei focado na minha raia. Fico feliz com essa medalha de prata. Não cheguei tão bem e ele (Manaudou) é muito maior do que eu. O Cesar não tem nadado tão bem, mas merece sempre o respeito de todos", disse Nicholas Santos ao canal SporTV.

100m costas

Mais cedo, Guilherme Guido nadou a semifinal dos 100m costas, mas não conseguiu se classificar para a decisão. O brasileiro, que é o atual recordista sul-americano da prova, ficou em sétimo na sua bateria com 53s88 e terminou apenas em 14º na classificação final, em que os oito primeiros avançam.

200m livre

Último nadador brasileiro a cair na piscina de Kazn nesta segunda-feira, João de Lucca ficou fora da final dos 200m livre masculino. Ele cravou a marca de 1m48s23 e ficou em oitavo e último lugar em sua bateria, sendo apenas o 16º na classificação geral.

Comentários

Bi mundial, Cielo fica sem medalha nos 50m borboleta em Kazan; Nicholas Santos é prata

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.