Rivaldo acha que motivou Mogi após voltar e diz: 'Conseguimos uma luz'

ESPN.com.br com Gazeta Press
Gazeta Press
Rivaldo não jogava desde março de 2014
Rivaldo não jogava desde março de 2014

Rivaldo desistiu de sua aposentadoria para ajudar o Mogi Mirim a escapar do risco de rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro. O presidente do clube do interior paulista foi titular na noite desta terça-feira, na vitória de virada por 2 a 1 sobre o Náutico, e acha que motivou o elenco.

"Depois de um ano e três meses parado, voltei a treinar e, com 20 dias, fui para o jogo. Isso motiva qualquer jogador mais novo. Voltei para ajudar o grupo a sair dessa situação. Estou com 43 anos e teve gente que não me respeitou", declaroou, em referência ao volante Marino.

O jogador adversário havia afirmado que o meia não acompanharia o ritmo do Náutico. Rivaldo havia abandonado os gramados em março do ano passado. Porém, como o Mogi atravessa fase complicada na segunda divisão, o campeão mundial em 2002 decidiu ajudar em campo.

Nesta terça-feira, o melhor do mundo em 1999 assumiu a braçadeira de capitão e a camisa 10 para enfrentar o Náutico. Rivaldo foi titular e só deixou o campo aos 22 minutos do segundo tempo, quando o time pernambucano ainda estava em vantagem no placar. De fora, o meia assistiu à virada de sua equipe, com dois gols de Serginho.

"Passamos por um momento difícil de dez jogos sem vencer, mas hoje conseguimos uma luz. Ainda estamos em situação difícil, mas vamos lutar para sair e ainda pensar na classificação", declarou. "Estávamos sem confiança. Vamos tentar sair dessa situação com a volta da confiança."

Comentários

Rivaldo acha que motivou Mogi após voltar e diz: 'Conseguimos uma luz'

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.