Corinthians e Odebrecht vão assinar mais um contrato: obras vão até agosto

Camila Mattoso, de São Paulo (SP), do ESPN.com.br
Ag. Corinthians
Andrés Sanchez anunciou seu desligamento da Arena Corinthians sem vender os naming rights
Arena Corinthians foi palco da abertura da Copa do Mundo, mas ainda não foi terminada

O Corinthians e a Odebrecht estão discutindo mais um aditivo em cima do contrato inicial do estádio de Itaquera. No novo documento, o sexto desde o começo da parceria, está prevista a extensão do prazo final para que a empresa de Marcelo Odebrecht, enfim, deixe a arena pronta e saia das obras: agosto deste ano.

O termo ainda não foi assinado. Após a Copa do Mundo, a expectativa era de que a construtora acabasse as últimas coisas no mês de abril, o que não aconteceu.

De acordo com advogados, o sexto aditivo é uma forma de dizer que as partes estão felizes uma com a outra e não vislumbram a possibilidade de buscar a Justiça neste momento.

O novo contrato, porém, deve contar como o dia 31 de julho como o dia final. Mas a informação repassada no início desta semana para pessoas de dentro do clube é de que agosto ainda haverá coisas a serem terminadas em Itaquera. 

Além de deixarem um aspecto ruim na arena, de incompleta, os atrasos atrapalham a vida comercial do Corinthians e a rentabilidade do estádio. Alguns camarotes não podem ser vendidos por conta da situação atual em que os setores se encontram. 

A Odebrecht e diretoria do Parque São Jorge dizem que não haverá aumento de custos no novo aditivo e que o valor fechado no quinto contrato será mantido, quando passou para R$ 985 milhões - o preço inicial era de R$ 820 milhões.

Ao todo, o clube paulista vai ter de pagar cerca de R$ 1,2 bilhão pela construção da casa própria.

Comentários

Corinthians e Odebrecht vão assinar mais um contrato: obras vão até agosto

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.