Nilmar tinha apelido secreto na base do Inter: Aspirina; saiba por que

Francisco De Laurentiis e Vladimir Bianchini, do ESPN.com.br
Alexandre Schneider/Getty Images
Nilmar Comemora Gol Internacional Corinthians Campeonato Brasileiro 13/06/2015
Dor de cabeça? É só chamar o 'Aspirina' que ele resolve

O atacante Nilmar Honorato da Silva, do Internacional, costuma causar enxaquecas nos zagueiros e goleiros adversários. Curiosamente, nos tempos de base colorada, ele teve um apelido secreto relacionado justamente às dores de cabeça: Aspirina.

O motivo, porém, era positivo, segundo conta Guto Ferreira, hoje técnico da Ponte Preta, ao ESPN.com.br. Ele foi coordenador das categorias de base nos tempos em que Nilmar atuava no juvenil, e era um dos que chamava o centroavante pela alcunha na hora das partidas.

"O Nilmar era reserva na base, porque era fraco fisicamente. Mas ele era chamado de Aspirina, porque ele entrava todo jogo e tirava a dor de cabeça do técnico, já que fazia gols sempre (risos)", lembra Guto.

"Nós, entre as comissões técnicas da base do Inter, brincávamos muito sobre isso. A gente falava assim: 'Agora o treinador vai colocar o Aspirina'. Jogo amarrado, perdendo ou empatando, ele sempre entrava e resolvia", completa.

A história da chegada de Nilmar ao Inter, aliás, é bastante curiosa. O jogador foi contratado como aposta, enquanto um amigo era visto como craque. No fim das contas, apenas o Aspirina acabou decolando na carreira.

"O Nilmar veio do Matsubara, do Paraná, junto com o Cidimar, outro atacante. Quem levou foi o Mano Menezes, que também pegou o Jadson [hoje no Corinthians]. O Cidimar veio como 'o cara', enquanto o Nilmar era só uma aposta. Mas deu no que deu, né?", recorda Ferreira.

Nesta quinta-feira, o camisa 7 colorado será desfalque para enfrentar o Figueirense, às 21h (horário de Brasília), pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele tem três gols em quatro partidas na competição até agora.

É bom o técnico Diego Aguirre já ir procurando uma Aspirina genérica...

Sonhos, rebotes e Coca-Cola 2 litros

Assim como Cidimar, outros jogadores que passaram pela base do Inter não conseguiram trilhar o mesmo caminho de sucesso de Nilmar. No entanto, ao menos a amizade com o ex-jogador da seleção brasileira foi mantida.

É o caso do goleiro Paulo Sérgio, hoje no Foz do Iguaçú, do Paraná. Ele morava com o "Aspirina" na concentração colorada, em Porto Alegre, e era um dos parceiros de Nilmar nas horas das conversas mais sérias sobre a vida.

"Toda semana a gente ia até o posto de gasolina ao lado para tomar uma Coca-Cola dois litros. A gente falava muito sobre nossas ambições profissionais, os nossos sonhos de nos tornarmos grandes jogadores", relembra o arqueiro, ao ESPN.com.br.

"O Nilmar sempre foi um cara mais na dele, reservado, muito disciplinado em tudo. Sempre correu demais e dificilmente não ia estourar para o futebol", acrescenta.

Gazeta Press
Nilmar Internacional Ponte Preta Campeonato Brasileiro 10/08/2003
O jovem Nilmar, em seus primeiros anos de Inter

Os amigos se reencontraram em campo em 2009: Nilmar pelo Inter e Paulo Sérgio pelo União Rondonópolis, do Mato Grosso, pela Copa do Brasil.

"Chamei ele no túnel e falei: 'Me dá tua camisa pra compensar os refrigerantes que eu pagava pra você (risos)'. Ele me olhou, riu, tirou a camisa e me deu. Sempre foi um guri gente fina", relata o goleiro.

Conhecer bem o colega, aliás, salvou Paulo Sérgio de levar um gol do amigo na partida.

"Ele sempre acha que o goleiro vai dar rebote ou falhar, e confere cada chute. Nesse jogo, teve uma bomba do Taisson que eu peguei firme, mas o Nilmar já vinha correndo pra tentar conferir a sobra. Falei: 'Aqui não tem rebote, não (risos)!'. Nós perdemos o jogo, mas pelo menos não tomei gol dele", sorri.

Veja os gols da vitória do Internacional sobre o Coritiba por 2 a 0
Comentários

Nilmar tinha apelido secreto na base do Inter: Aspirina; saiba por que

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.