'Perna de pau', juiz da luta de Belfort já perdeu até para ator de Harry Potter

Igor Resende e João Mekitarian, de Las Vegas (EUA), para o ESPN.com.br
Reproduação
Herb Dean foi lutador e perdeu para Dave Legeno, que virou ator em Harry Potter
Herb Dean foi lutador e perdeu para Dave Legeno, que virou ator em Harry Potter

O árbitro que mediará o duelo entre Chris Weidman e Vitor Belfort é inconfundível e para lá de famoso no mundo das lutas. Não por menos. Com seus dredlocks no cabelo, foi eleito o melhor árbitro de MMA do mundo pelos últimos cinco anos - desde a criação do prêmio, na verdade. Mas Herb Dean nem sempre se vestiu como árbitro para ser o terceiro elemento de uma luta.

O ESPN.com.br já está em Las Vegas e traz TODOS os detalhes da semana do UFC 187, que pode coroar Vitor Belfort como mais um campeão brasileiro

Mas se você não sabia disso, não se ache desinformado. Herb Dean nunca passou de ser um ‘perna de pau' como lutador e ficou longe de ser conhecido pelas suas habilidades.

Dean até começou com o pé direito sua carreira como lutador, com uma finalização em apenas 43 segundos contra Randy Halmot, em setembro de 2001. Mas em seis anos, ele não conseguiu manter um cartel positivo. Foram apenas cinco combates, com três derrotas e dois triunfos. Na última das lutas, em 2007, era favorito absoluto contra Dave Legeno, mas machucou o olho e acabou derrotado.

E se você não reconhece Dave Legeno, ele mudou de profissão pouco depois. De lutador, virou ator e atuou em três filmes da série Harry Potter protagonizando o lobisomen Fenrir Greyback.

Reprodução
Dave Legeno virou Fenrir Greyback
Dave Legeno virou Fenrir Greyback

Para sorte de Herb Dean, a derrota para Legeno significou o fim de sua carreira, Sorte dele. Sorte do MMA. E sorte de Chris Weidman.

Sorte dele porque ele virou relevante em sua nova carreira. Mesmo em uma profissão que não paga tão bem assim, conseguiu se tornar um milionário. Tem hoje os maiores salários entre os árbitros de MMA e uma fortuna avaliada em cerca de 1,5 milhão de dólares.

Sorte do MMA porque o esporte ganhou seu melhor árbitro, talvez o melhor árbitro de todos os tempos. E ganhou um juiz sempre disposto a melhorar. Ou um ‘nerd do MMA', como ele mesmo se define. Antes de entrar no UFC, Herb conta que poderia dirigir o dia todo para arbitrar uma luta e aumentar sua experiência. "Provavelmente, arbitrei mais que qualquer um que conheço", diz.

E sorte de Chris Weidman porque o americano ganhou um verdadeiro amuleto. O norte-americano teve quatro das últimas cinco lutas arbitradas por Herb Dean. E, claro, teve o famoso juiz ao seu lado nos momentos mais importantes de sua carreira. Dean foi o árbtiro das duas lutas contra Anderson Silva e da defesa de título contra Lyoto Machida. Viu bem de perto Weidman ganhar o cinturão e defendê-lo por duas vezes.

Vitor Belfort terá que ‘se apresentar' a Herb. O brasileiro não teve nenhuma luta no UFC arbitrada por ele. Seria a primeira já inesquecível?

Getty
Herb Dean virou 'amuleto' de Weidman e foi juiz das lutas históricas contra Anderson Silva
Herb Dean virou 'amuleto' de Weidman e foi juiz das lutas históricas contra Anderson Silva

Veja algumas das lutas de Herb Dean:

Comentários

'Perna de pau', juiz da luta de Belfort já perdeu até para ator de Harry Potter

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.