Messi corta pizza por títulos e duelo com Cristiano Ronaldo

ESPN.com.br com agência Gazeta Press
Efe
Argentino soma 30 gols no Campeonato Espanhol
Segundo jornais espanhois, atacante argentino está três quilos mais magro

Às vésperas do grande clássico entre Barcelona e Real Madrid, que acontece neste domingo, às 17 horas (de Brasília), no Camp Nou, Lionel Messi demonstra sua melhor forma - mudança notada na partida contra o Manchester City, nesta semana, pela Uefa Champions League. Para o alívio da torcida catalã, o preparo físico do argentino se deve à troca das pizzas pela fome dos títulos.

De acordo com o jornal catalão Mundo Deportivo, o novo impulso na carreira de Messi se deve ao esforço pessoal do jogador, que já perdeu três quilos e meio em relação à temporada anterior. O objetivo parece claro: melhorar cada vez mais e superar o rival Cristiano Ronaldo na corrida pela Bola de Ouro da Fifa.

Dentre as mudanças de hábito, estaria o corte do consumo de pizza em sua dieta. O jornal As, de Madrid, relembrou as críticas feitas por Carles Rexach, lenda do Barça e um dos treinadores responsáveis por levar Messi ao clube ainda na infância. Durante a Copa do Mundo, Rexach alertou para o alto nível de consumo de pizza do argentino - conselho que, segundo o jornal madridista, foi levado a sério pelo craque.

Apesar de ter alcançado números extraordinários na temporada passada, esta teria supostamente decepcionado o argentino: apenas uma taça foi conquistada, a simbólica Copa Catalunha, vencida diante do Espanyol. Para piorar, a derrota para a Alemanha na final da Copa do Mundo, com gol na prorrogação, frustrou o sonho de Messi de ganhar um Mundial pelo seu país.

Agora, com um sentimento de revanche pessoal e um corpo mais leve e ainda mais ágil na movimentação, Lionel tem dado trabalho para os adversários. Além do cronograma realizado no próprio Barcelona, sob a tutela do médico-alimentício Marcelo "Daddy" D’Andrea, Messi tem trabalhado individualmente com um novo nutricionista italiano.

De acordo com a publicação catalã, o discurso "egocêntrico" de Cristiano Ronaldo ao receber a Bola de Ouro em 2014, no qual garantiu que ainda alcançará Lionel - são três prêmios do português contra quatro de Messi -, também teria contribuído para a mudança de atitude do camisa 10 do Barça, determinado a provar o contrário.

O craque chegou a faltar a um treino do time catalão em janeiro deste ano, gerando polêmica com o técnico Luis Enrique. Entretanto, essa situação parece ter ficado para trás: agora, Messi é o primeiro a chegar e o último a sair do CT Ciutat Esportiva, no qual permanece realizando exercícios específicos na academia mesmo após o fim do trabalho coletivo.

Por fim, a relação com Luis Enrique segue distante, segundo o Mundo Deportivo; ainda assim, o diário também afirma que Messi tem se esforçado para ser mais comunicativo com o grupo culé, mesmo com os atletas em quem não tem muita confiança. "É o melhor jogador do mundo e luta contra si mesmo, porque não tem rival. Tem 27 anos, não está decaindo e tem cada vez mais fome, é impressionante", elogiou o amigo Xavi.

Comentários

Messi corta pizza por títulos e duelo com Cristiano Ronaldo

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.