Suposto plágio do Inter em campanha gera desconforto no Cruzeiro

Marcus Alves, do ESPN.com.br
Montagem ESPN.com.br
O departamento de marketing do Cruzeiro foi surpreendido com a ação do Inter
O departamento de marketing do Cruzeiro foi surpreendido com a ação do Inter

Cruzeiro e Inter ainda não se cruzaram em campo nesta temporada, mas fora das quatro linhas não escondem o desconforto entre suas diretorias. O motivo é um suposto plágio em campanha colorada lançada nos últimos dias com o slogan "cada um é onze". O departamento de marketing celeste não nega a surpresa com a semelhança com a ação realizada pelo clube no fim do ano passado carregando a frase "eu mais onze".

Os dois clubes têm em seus sócios uma de suas maiores fontes de receitas.

Mais do que isso, um meio de superar até mesmo a dependência financeira em relação às cotas de TV do Brasileiro.

A peça publicitária do Inter estreou no último domingo, em horário nobre na televisão, e tem como objetivo principal fazê-lo ultrapassar a marca dos 130 mil associados. O controverso slogan tenta fazer o torcedor se sentir parte do time.

O argentino D'Alessandro é a estrela da campanha.

"Chegou a hora, você vai jogar com a gente. Porque, na Libertadores, agora cada um é onze", afirma o camisa 10 em sua participação. A hashtag #CadaUmEOnze teve sucesso instantâneo no Twitter e entrou nos trending topics no mesmo dia como um dos assuntos mais comentados no Brasil. O Inter conta atualmente com 106 mil sócios em dia.

O diretor de marketing do Cruzeiro, Marcone Barbosa, preferiu não cravar que houve má fé por parte do Inter ao repetir o mesmo conceito no slogan.

"Tinha acompanhado esse trabalho deles, mas quero acreditar que esqueceram de checar se já haviam feito uma campanha assim antes. É sempre recomendável fazer isso. A gente tinha lançado em 2014, foi um sucesso e eles fizeram na mesma linha agora. Não deve ter sido má fé. Prefiro não crer nisso até porque sempre tivemos excelente relacionamento", afirma ao ESPN.com.br.

Em sua ação, o Cruzeiro escolhia um sócio para aparecer no telão do Mineirão e entrar em campo com os atletas, representando o associado como 12º jogador do clube e a hashtag #eumaisonze.

"Pode ter acontecido algum descuido. Se não for o caso e tiverem decidido usar mesmo assim, não deixa de ser uma satisfação inspirarmos outros times, um motivo de orgulho. Só acontece quando você está fazendo o seu trabalho muito bem feito", completa Marcone Barbosa.

O vice-presidente de marketing e mídia do Inter, Luiz Henrique Nuñez, foi procurado pela reportagem para comentar o assunto, mas não atendeu a nenhuma das ligações nem respondeu as mensagens.

Assista aos gols da vitória do The Strongest sobre o Internacional por 3 a 1
Comentários

Suposto plágio do Inter em campanha gera desconforto no Cruzeiro

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.