Novo chefe da Ferrari põe como meta 'pelo menos' duas vitórias em 2015

ESPN.com.br
Divulgação
Vettel, Raikkonen, Gutiérrez e os diretores da Ferrari no lançamento do SF15-T
Vettel, Raikkonen, Gutiérrez e os diretores da Ferrari no lançamento do SF15-T

Depois de uma temporada tenebrosa com apenas dois pódios, a Ferrari mudou muita coisa para 2015. Stefano Domenicali, por exemplo, deixou o cargo de chefe de equipe ainda durante o ano passado e foi substituído por Maurizio Arrivabene; Fernando Alonso saiu após cinco anos, e Sebastian Vettel estreia na Scuderia.

Nesta sexta-feira, no dia da apresentação do SF15-T, Arrivabene afirmou que a meta para o novo Mundial é voltar às vitórias. "Pelo menos duas corridas", disse.

"No ano passado, nós tivemos uma inaceitável larga desvantagem em nossa performance, e nós tentamos garantir que a fraqueza do carro de 2014 foi deixada para trás", declarou o diretor técnico da Ferrari, James Allison.

Vettel, que conquistou quatro títulos pela Red Bull e teve um 2014 abaixo, também espera que as mudanças façam a Ferrari retomar sua grandeza.

"Existem muitas mudanças acontecendo, muitas novas pessoas em novas posições. Leva tempo para se encaixar, mas estou confiante de que nós estamos indo na direção certa. Mas seria era esperar muito de nós", falou o piloto alemão.

"Será difícil estar lá (nas primeiras posições) desde o começo, mas o principal objetivo é progredir mais e mais durante a temporada", falou Vettel.

Comentários

Novo chefe da Ferrari põe como meta 'pelo menos' duas vitórias em 2015

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.