Atlético Nacional 'cala' Morumbi, derruba São Paulo nos pênaltis e é finalista da Sul-Americana

ESPN.com.br
Veja os gols de São Paulo 1 (1) x (4) 0 Atlético Nacional

O Atlético Nacional está na final da Copa Sul-Americana de 2014. A equipe colombiana perdeu para o São Paulo nesta quarta-feira por 1 a 0 no tempo normal, mas venceu os brasileiros por 4 a 1 nos pênaltis, frustrando os mais de 45 mil torcedores presentes no Morumbi.

Agora, o Atlético Nacional espera para a definição do próximo adversário, que sairá nesta quinta-feira, quando Boca Juniors e River Plate se enfrentam no Monumental de Núñez. No jogo de ida, em La Bombonera, os dois rivais argentinos ficaram no 0 a 0.

Nas penalidades, os colombianos foram perfeitos. Bocanegra, Valencia, Cardona e Ruíz marcaram. Do lado são-paulino, Rogério Ceni foi o único a converter. Alan Kardec escorregou na hora de executar o tiro penal e mandou o arremate para muito longe, enquanto Toloi bateu nas mãos do goleiro Armani. 

No tempo normal, o São Paulo dominou a partida, principalmente no segundo tempo. O time chegou a colocar duas bolas na trave depois de abrir placar, com o meia Paulo Henrique Ganso, que cruzou bola na área em cobrança de falta e viu o 'chute' morrer no fundo da rede.

Eliminado, o time de Muricy Ramalho agora se concentra para os dois jogos finais do Campeonato Brasileiro. Já no próximo domingo, a equipe enfrenta o Figueirense no Morumbi. Na rodada derradeira, o clube encara o Sport em Pernambuco.

O jogo

No primeiro tempo, foram três as chances mais claras e perigosas de gol. Luis Fabiano, aos 16 minutos, recebeu linda bola de Michel Bastos e chutou cruzado para bela defesa de Armani. Bastos, aliás, esteve muito próximo de marcar também, quando, dentro da área, viu Berrio afastar a bola no último segundo.

O Atlético Nacional, que sufocou o time paulista no encontro de ida, no Atanasio Girardot, não conseguiu fazer a mesma pressão no Morumbi. Mas também criou uma ótima oportunidade aos 43 minutos, quando Cardona, na frente de Rogério, perdeu a passada e finalizou mal, em cima do goleiro.

Na segunda etapa, a maior posse de bola começou a surtir mais efeito. Em um espaço de dois minutos, Ganso e Michel Bastos criaram mais duas jogadas. Na primeira, o camisa 10 deu uma enfiada sensacional de pé direito para o camisa 7, que não conseguiu marcar.

Depois, aos oito minutos, Michel sofreu falta do lado direito. Ganso se encarregou da cobrança. No cruzamento, a bola passou pela área toda e morreu no fundo da rede: 1 a 0 para o São Paulo.

Foi o suficiente para uma pressão monstruosa nascer.

Em ritmo quase insano, o São Paulo passou a criar uma chance atrás da outra. Confiando principalmente no lado direito de seu ataque, a equipe de Muricy Ramalho colocou duas bolas na trave. Aos 24 minutos, Michel Bastos driblou o goleiro e rolou para o meio. Kaká chutou e a bola explodiu na trave direita.

Um minuto depois, Luis Fabiano recebeu bom cruzamento de Hudson e acertou a trave. No rebote, Michel Bastos, em posição irregular, arrematou para fora - se ele não interferisse na jogada, Luis Fabiano, livre para a sobra, provavelmente poderia ter feito o segundo gol.

Toda a pressão, no entanto, foi por água abaixo. Sem conseguir marcar, a decisão foi para os pênaltis. Falou mais alto a competência dos colombianos e pesou o azar e a incompetência são-paulina.

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 1 (1) x (4) 0 ATLÉTICO NACIONAL-COL

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo-SP
Data: 26 de novembro de 2014, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Roddy Zambrano-EQU
Assistentes: Christian Lescano-EQU e Byron Romero-EQU
Público: 45.454 torcedores
Renda: R$ 2.625.000,00
Cartões amarelos: Álvaro Pereira e Luís Fabiano (São Paulo); Armani, Bocanegra, Mejía, Luís Ruíz e Copete (Atlético Nacional-COL)
GOL: (TEMPO NORMAL)
SÃO PAULO: Ganso, aos 8 minutos do segundo tempo
PÊNALTIS
SÃO PAULO: Rogério Ceni marcou. Alan Kardec e Rafael Toloi desperdiçaram.
ATLÉTICO NACIONAL-COL: Bocanegra, Valencia, Cardona e Luís Ruíz marcaram.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Hudson, Rafael Toloi, Edson Silva e Álvaro Pereira (Osvaldo); Denílson e Souza; Kaká (Alan Kardec), Ganso e Michel Bastos; Luís Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

ATLÉTICO NACIONAL-COL: Armani; Nájera (Copete), Henríquez e Murillo; Bocanegra, Diego Arias (Valencia), Mejía, Cardona e Farid Díaz (Bernal); Berrío e Luís Ruíz
Técnico: Juan Carlos Osorio

Getty
Michel Bastos põe as mãos na cabeça após chance perdida no jogo
Michel Bastos põe as mãos na cabeça após chance perdida no jogo
Comentários

Atlético Nacional 'cala' Morumbi, derruba São Paulo nos pênaltis e é finalista da Sul-Americana

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.