Em denúncia de tráfico, promotor diz que Adriano é flamenguista

Gabriela Moreira, do Rio de Janeiro (RJ), para o ESPN.com.br
Vipcomm
Adriano mostra a camisa 10 em sua apresentação no Flamengo
Adriano mostra a camisa 10 em apresentação no Flamengo

Não há relação alguma com o caso, mas na denúncia oferecida pelo Ministério Público do Rio de Janeiro contra Adriano, por tráfico de drogas e associação ao tráfico, é lembrada a relação do atacante com o Flamengo, clube que o revelou e onde foi campeão brasileiro, em 2009.

Isso ao falar das cores das motos que Adriano teria repassado para os traficantes da Vila Cruzeiro, onde o jogador cresceu. O repasse de dois modelos da Honda, de 600 cilindradas, é a principal justificativa para a denúncia: segundo os promotores, os veículos ajudavam no trabalho dos traficantes.

Está escrito na denúncia: "modelo CB600 (uma na cor preta e outra na cor vermelha, numa clara alusão ao clube de preferência do 1º denunciado [que é Adriano])".

Preto e vermelho, como todo mundo sabe, são as cores do Flamengo. A denúncia ainda lembre que o jogador não deixou os hábitos antigos mesmo com muita fama e dinheiro.

"Insta observar que, apesar de ter ganho dinheiro e fama internacional, o primeiro denunciado (Adriano) continuava a frequentar a Vila Cruzeiro local onde se envolveu em diversos episódios escusos (conforme amplamente divulgado na imprensa), sempre visto andando em comboios de motocicletas, na garupa do segundo denunciado."

A denúncia contra Adriano será analisada pela 29ª Vara Criminal do Rio. Se aceita, ele pode ser julgado por crimes que somados podem representar 25 anos de prisão.

Denunciado, Adriano havia comprado moto de alto valor para um chefe do tráfico; entenda
Comentários

Em denúncia de tráfico, promotor diz que Adriano é flamenguista

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.