Danilo entra no fim, salva o Corinthians e mantém tabus contra o Palmeiras

Diego Garcia, do ESPN.com.br
Clique para ver os gols de Palmeiras 1 x 1 Corinthians

Ficou no quase. Não foi desta vez que o Palmeiras, enfim, voltou a derrotar seu arquirrival no Pacaembu. Os quase 20 anos de espera se renovaram nos pés de Danilo, aos 46 minutos do segundo tempo. O meia tinha acabado de entrar quando pegou rebote na área e deixou tudo igual: 1 a 1, no que pode ter sido a despedida do clássico do Estádio Paulo Machado de Carvalho. De quebra, o tabu de três anos sem triunfos alviverdes no Derby continua.

Com o resultado, o time do Parque São Jorge continua no G-4 do Campeonato Brasileiro, mas Atlético-MG, Internacional e Grêmio possuem um jogo a menos e podem ultrapassar os 53 pontos do Corinthians ainda nesta rodada.

Para Mano, Corinthians podia ter vencido o clássico: 'Faltou tranquilidade'

O Palmeiras, por sua vez, chegou aos 36 e abriu cinco da zona do rebaixamento. Agora na 14ª colocação, a equipe alviverde volta a campo pelo Campeonato Brasileiro no próximo final de semana, quando encara o Bahia, fora de casa. Já o Corinthians pega o Coritiba, em São Paulo.

A equipe alvinegra também manteve outros tabus, além dos dois já citados. O Palmeiras não vence o Corinthians na capital do Estado desde 2008 e não quebrou a série de invencibilidade do rival no Derby. No Pacaembu, são oito vitórias corintianas e seis empates desde 1995, quando o time palestrino venceu pela última vez.

Sérgio Basrzaghi / Gazeta Press
Danilo marcou o gol de empate do Corinthians aos 46 minutos do segundo tempo
Danilo marcou o gol de empate do Corinthians aos 46 minutos do segundo tempo

O Derby no Pacaembu

No duelo deste sábado, o jogo começou nervoso. Os dois times erravam passes no meio de campo e penavam para conseguir furar a defesa rival. Mas o Palmeiras tinha Henrique, goleador máximo da primeira divisão nacional.

Foi aos 25 minutos do primeiro tempo que mais uma vez voltou a brilhar a estrela do artilheiro do campeonato. Valdivia fez boa jogada pelo meio e tocou para Wesley arriscar cruzado e rasteiro. O arremate foi torto, mas Henrique se antecipou à marcação, escapou de Fagner e só desviou no canto direito de Cássio.

Sem Guerrero, suspenso pelo STJD por trombada no árbitro no jogo contra o Bragantino, pela Copa do Brasil, o Corinthians claramente perdeu em qualidade técnica no campo de ataque e não conseguia criar chances que ameaçassem a meta palestrina no Pacaembu.

Dorival, sobre Nathan na vaga de Lúcio: 'Opção minha, não conversei com ele'

A melhor chance alvinegra no primeiro tempo foi quando Jadson levantou a bola na área, Anderson Martins apareceu livre, mas errou a cabeçada. Gil aparecia logo atrás também em condições de concluir, mas o companheiro de zaga não viu. O Palmeiras respondeu com conclusão de cabeça de Tobio, para fora, após cruzamento de Mazinho.

A etapa complementar foi uma repetição dos 45 minutos iniciais. Os dois times brigavam pela posse de bola no meio de campo. E o Palmeiras, de novo, era ligeiramente melhor, graças aos constantes erros do Corinthians na troca de passes.

Gil vê grande partida, e Danilo comemora jogo número 250 com o Corinthians: 'Quero sempre ajudar'

O time alviverde levou perigo no contra-ataque. João Pedro avançou pelo lado direito e cruzou. Mazinho apareceu na segunda trave, se esticou todo, mas não conseguiu desviar para as redes.

O Corinthians teve sua maior oportunidade em belo lance de Bruno Henrique, que soltou a bomba de longe e carimbou a trave de Fernando Prass. Wesley respondeu em chute de fora da área que explodiu na trave de Cássio.

E ia ficar por isso mesmo, se não fosse Mano Menezes mandar Danilo a campo, aos 42. O meia entrou na vaga de Fábio Santos, pegou sobra na área nos acréscimos e bateu no canto direito de Fernando Prass. Fim de papo no Pacaembu.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 X 1 CORINTHIANS

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 25 de outubro de 2014, sábado
Horário: 16h20 (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Vicente Romano Neto (SP)
Cartões amarelos: Nathan, Marcelo Oliveira, Henrique, Juninho, Washington (Palmeiras). Fábio Santos, Luciano, Petros (Corinthians)
Público: 24.245 pagantes
Renda: R$ 548.062,50

Gols: PALMEIRAS: Henrique, aos 25 minutos do primeiro tempo
CORINTHIANS: Danilo, aos 45 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Fernando Prass; João Pedro, Nathan, Tobio e Juninho; Marcelo Oliveira, Victor Luis, Wesley (Washington), Mazinho (Diogo) e Valdivia (Felipe Menezes); Henrique
Técnico: Dorival Júnior

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Anderson Martins, Gil e Fábio Santos (Danilo); Bruno Henrique, Petros (Romero), Elias e Jadson (Malcom); Renato Augusto e Luciano
Técnico: Mano Menezes

Miguel Schincariol/Gazeta Press
Henrique apareceu livre na área para vencer Cássio e dar vitória ao Palmeiras
Henrique apareceu livre na área para vencer Cássio e dar vitória ao Palmeiras
Comentários

Danilo entra no fim, salva o Corinthians e mantém tabus contra o Palmeiras

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.