Pela 2ª vez na história, melhor do ano pode ficar sem o título na F-1

ESPN.com.br
Getty
Lewis Hamilton e Nico Rosberg após o treino classificatório no Japão
Lewis Hamilton e Nico Rosberg após o treino classificatório no Japão

O novo regulamento da F-1, que prevê pontuação dobrada na última corrida da temporada, pode fazer com que pela segunda vez na história da categoria - que teve sua primeira edição em 1950 - o piloto com os melhores resultado não seja o campeão.

E isso nem é tão complicado de acontecer.

Se não houvesse pontos em dobro no GP derradeiro, bastaria Lewis Hamilton vencer as duas próximas corridas, nos EUA e no Brasil, atingindo 341 pontos, para ficar com a taça. Seu companheiro de equipe Mercedes, Nico Rosberg, poderia no máximo, com dois segundos lugares nessas provas e uma vitória em Abu Dhabi, alcançar os 335 pontos.

Mas a vitória em Abu Dhabi vale, no lugar dos tradicionais 25 pontos, 50. Assim, mesmo vencendo as próximas duas provas, Hamilton precisaria de pelo menos um quinto lugar na última corrida para garantir o título.

Vencendo nos EUA e no Brasil, e ficando, por exemplo, em sexto em Abu Dhabi, o inglês vai terminar o ano com 357 pontos. Com dois segundos lugares nas duas próximas corridas e vencendo a última, Rosberg bate nos 360 pontos.

Sem a pontuação dobrada no GP derradeiro, seriam 349 pontos para Hamilton e 335 para Rosberg, invertendo o campeão.

Até hoje, a única vez em que um piloto teve melhor resultados, mas não foi campeão, aconteceu em 1988, e o beneficiado foi o brasileiro Ayrton Senna, na conquista do primeiro de seus três títulos mundial.

Naquela época, assim como aconteceu em edições das quatro primeiras décadas da F-1, alguns resultados da temporada eram descartados.

Se todos os resultados fossem computados, o francês Alain Prost terminaria o ano com 105 pontos e Senna com 94. Mas, descontados as piores performaneces de cada um, o campeonato terminou com 90 pontos do brasileiro e 87 de Prost.

Veja como foi o 1º GP da Rússia, vencido por Hamilton
Comentários

Pela 2ª vez na história, melhor do ano pode ficar sem o título na F-1

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.