Holanda vira em casa contra Cazaquistão e vence a primeira com Hiddink

ESPN.com.br
Clique e veja os gols de Holanda 3 x 1 Cazaquistão

Guus Hiddink enfim pode comemorar a primeira vitória no comando da Holanda. Jogando em casa, na Amsterdam Arena, a equipe conseguiu a virada diante do Cazaquistão e venceu por 3 a 1 em jogo válido pelas Eliminatórias da Eurocopa. O primeiro gol foi marcado por Abdulin, enquanto Huntelaar, Affelay e Van Persie fizeram para os holandeses.

O treinador substituiu Louis van Gaal, que levou a Holanda à terceira colocação da Copa do Mundo, mas ainda não havia vencido no comando da equipe. Foram duas derrotas, diante da Itália e da República Tcheca, antes da vitória desta sexta-feira.

Com o resultado, a Holanda somou seus primeiros três pontos do torneio e foi à terceira colocação do grupo A. O Cazaquistão estacionou no um ponto e caiu para a quinta posição, beneficiado pela derrota da Turquia frente à República Tcheca por 2 a 1. No outro jogo da chave, a Islândia bateu a Letônia por 3 a 0.

O Cazaquistão abriu o placar aos 17 minutos do primeiro tempo com Abdulin. O zagueiro foi mais rápido que a defesa adversária no escanteio cobrado por Karpovich e mergulhou para marcar de cabeça.

Depois de pressionar muito durante o restante do jogo, a Holanda conseguiu empatar aos 17 do segundo tempo com Huntelaar, que marcou cinco minutos depois de entrar em campo. O atacante, em posição irregular, recebeu cruzamento de Affelay e testou para marcar.

Dois minutos depois, o Cazaquistão ficou com um a menos em campo após Dzholchiyev dar um carrinho por trás em Affelay e receber o vermelho direto. A Holanda aproveitou a vantagem numérica, pressionou muito e finalmente conseguiu a virada aos 36 da segunda etapa com Affelay, que conseguiu marcar.

Já aos 43 da etapa final, Van Persie sofreu pênalti e ele mesmo foi para a cobrança para fechar o placar em 3 a 1.

Getty
Robben voltou à equipe após dois jogos fora
Robben voltou à equipe após dois jogos fora

A escalação da Holanda mostrou a indefinição de Hiddink sobre a formação defensiva. O treinador fez sua estreia no comando da equipe com quatro jogadores compondo a zaga, mas perdeu da Itália. No segundo compromisso, voltou ao esquema que fez sucesso na Copa do Mundo com três zagueiros, mas perdeu novamente, dessa vez para a República Tcheca.Nesta sexta-feira, o treinador escalou novamente o time com quatro atrás, montando a defesa com Van der Wiel, De Vrij, Bruno Martins Indi e Blind.

A partida também marcou o retorno de Robben, que, por conta de uma contusão no tornozelo, ainda não tinha atuado pela Holanda desde a Copa do Mundo, torneio em que o atacante foi o grande destaque da equipe.

O Cazaquistão tenta a classificação para sua primeira Eurocopa da história. Até 1992, o país era unificado à União Soviética e, desde então, nunca conseguiu avançar para a principal competição de seleções europeias. A Holanda já participou nove vezes do torneio, sendo campeã em 1988.

Os dois melhores classificados de cada grupo, além do melhor terceiro colocado no geral, se classificam automaticamente para a Eurocopa de 2016, que acontecerá na França. Os demais oito terceiros colocados vão para a repescagem disputar as últimas vagas.

A Holanda voltará a campo na competição na segunda-feira para enfrentar a Islândia fora de casa, às 15h 45. No mesmo dia, o Cazaquistão terá pela frente a República Tcheca, dentro de casa, às 13h.

Comentários

Holanda vira em casa contra Cazaquistão e vence a primeira com Hiddink

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.