Hipnose no futebol funciona, garante ex-corintiano da Portuguesa

Francisco De Laurentiis, do ESPN.com.br, e Vladimir Bianchini, da Rádio ESPN
Mauro Horita/Agif/Gazeta Press
Jocinei Portuguesa Náutico Série B 23/09/2014
Jocinei, ex-Corinthians e hoje na Lusa, já foi hipnotizado, e assegura que funciona

Causou estranhamento o anúncio da contratação de um hipnólogo pela Portuguesa, na última segunda-feira, para ajudar o time a escapar da queda para a Série C do Campeonato Brasileiro. Segundo quem já passou por esse tipo de terapia, porém, a hipnose funciona, sim, e traz resultados no futebol.

"Eu tive minha primeira experiência com isso no XV de Piracicaba, em 2012. A gente estava mal, capengando na Copa Paulista. Aí veio um hipnólogo e deu palestras, conversou com a gente, fez as coisas dele, e começamos a jogar bem. Terminamos na liderança do grupo, no fim das contas. Fomos até as quartas de final. A hipnose ajudou bastante, sim", contou o meia Jocinei, ex-Corinthians, hoje na Lusa, em entrevista à Rádio ESPN e ao ESPN.com.br.

O profissional contratado pelo time rubro-verde é o ex-goleiro Olimar Tesser. Ele já trabalhou com hipnotismo em equipes como Paulista, Juventus, Guarani, Ponte Preta, Marília, Náutico e Bahia.

Em 2008, ganhou o crédito pela subida do Noroeste na tabela do Paulistão, e também pelo crescimento do meia-atacante Edno - que viria a fazer sucesso na própria Portuguesa.

A missão de Tesser, porém, é muito difícil. A equipe do Canindé está na penúltima colocação da Série B, com 21 pontos, 11 abaixo do primeiro time fora da zona de rebaixamento, o Paraná. A última vitoria de equipe paulistana foi em 26 de agosto, contra o Vila Nova. Desde então, são quatro derrotas e quatro empates.

"Já tivemos uma palestra (com o hipnólogo). Ele trabalhou bastante a mente dos jogadores para a gente buscar a vitória já no próximo jogo. Tentou nos trazer confiança, fazer a gente retomar o pensamento positivo. Ele entrou pra somar aqui, pode nos ajudar muito a assimilar o que quer passar pra gente", comentou Jocinei, que também revelou outro dado interessante: ao menos outros 15 jogadores da Lusa já foram hipnotizados durante a carreira.

O próximo compromisso da Portuguesa é nesta terça-feira, contra o Vasco, às 21h50 (horário de Brasília), no Canindé. Nas últimas 11 rodadas do torneio, a Lusa precisa ter um verdadeiro aproveitamento de campeão para conseguir escapar de mais um rebaixamento.

"Acredito que podemos escapar. Nesses 11 jogos, a gente tem que fazer no mínimo 24 de 33 pontos. É difícil, mas dá. Não podemos, porém, nem pensar em perder ou empatar em casa. O foco é ganhar do Vasco e retomar a confiança, para depois tentar emendar uma sequência de vitórias começando contra o América-MG", salientou o meia.

Comentários

Hipnose no futebol funciona, garante ex-corintiano da Portuguesa

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.