Morre em Curitiba o treinador Lori Sandri, campeão gaúcho com o Inter

ESPN.com.br
Getty
Lori Sandri morreu aos 65 anos, em Curitiba
Lori Sandri morreu aos 65 anos, em Curitiba

Faleceu nesta sexta-feira, em Curitiba, aos 65 anos, o técnico Lori Sandri, vítima de um tumor no cérebro. O enterro acontecerá neste sábado, na Capital Paranaense. 

O último trabalho de Sandri, gaúcho da cidade de Encantado, havia sido feito no Botafogo-SP, em 2012. 

Antes de virar treinador, ele foi volante do Esporte Clube Água Verde, precurssor do Esporte Clube Pinheiros, que viria a formar junto com o Colorado o atual Paraná Clube e também atuou no Londrina.

Formou-se em educação física e como técnico, começou no Pinheiros e passou por Atlético-PR, onde foi campeão estadual de 1983, Criciúma, ganhando o Catarinense, em 1991, Juventude, sendo campeão gaúcho de 1998 e Internacional, onde venceu o Estadual de 2004.

Lori também é lembrado por ter conduzido o Botafogo de Ribeirão Preto à final do Campeonato Paulista de 2001, sendo derrotado pelo Corinthians na final. Daquela equipe do interior, saíram jogadores que depois ficariam famosos, como o goleiro Doni e o atacante Leandro.

No exterior, comandou o Marítimo, de Portugal, o Tokyo Verdy, do Japão, o Al-Shabab e o Al-Ettifaq, ambos da Arábia Saudista e o Al Ain, dos Emirados Árabes Unidos, além da seleção do país do Oriente Médio.

Comentários

Morre em Curitiba o treinador Lori Sandri, campeão gaúcho com o Inter

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.