Com medo de tapetão, Cruzeiro saca reforço em 'aquecimento'

Marcus Alves, do ESPN.com.br
Gazeta Press
Breno Lopes em ação pelo Paraná
Breno Lopes em ação pelo Paraná na Série B

Para evitar um novo "caso Heverton", o Cruzeiro decidiu excluir o lateral-esquerdo Breno Lopes do banco de reservas na vitória de 2 a 1 sobre o Coritiba, nesta quarta-feira, no Couto Pereira, minutos antes da pontapé inicial da partida. A diretoria celeste não está 100% segura de que o reforço poderia ser utilizado por ele já ter completado seis jogos pelo Paraná, seu clube anterior, na Série B.

Uma consulta por escrito foi feita à CBF, mas até o início da última noite o departamento jurídico da entidade ainda não havia respondido.

Na falta de um retorno, o supervisor de futebol cruzeirense, Benecy Queiroz, se dirigiu ao árbitro Vinícius Furlan (SP) comunicando que Breno não participaria do confronto, mesmo após a publicação da relação nominal do time.

Existe entre os cartolas uma dúvida em torno do que definem o Regulamento Específico da Competição (REC) e o Regulamento Geral de Competições (RGC).

"O detalhe é o seguinte: o regulamento específico do campeonato e o geral de competições não definem bem a situação de transferências, se o jogador que vem da Série B com mais de seis partidas pode atuar. Sempre pôde, mas, diante disso, resolvemos não correr o risco e fazer essa consulta à CBF", explica o diretor de futebol Valdir Barbosa ao ESPN.com.br.

O artigo 9 do capítulo 3 do Regulamento Específico da Competição (REC), de fato, não deixa claro se Breno Lopes teria ou não condições para entrar em campo pelo Cruzeiro.

"Art. 9º - Um atleta poderá ser transferido de um clube para outro durante o Campeonato Brasileiro da Série A, desde que tenha atuado em um número máximo de seis partidas pelo clube de origem, sendo permitido que cada atleta mude de clube apenas uma vez", descreve.

Ao todo, segundo dados do Footstats, Breno disputou 20 jogos pelo Paraná na segunda divisão.

A princípio, ele viaja normalmente para o próximo compromisso do clube, contra o Sport, no sábado, às 18h30 (de Brasília), na Arena Pernambuco. A sua ida para a partida dependerá, no entanto, de uma confirmação por parte da CBF.

"Nós entendemos que não há problema nenhum, mas, como hoje tudo é tribunal, preferimos deixá-lo fora do banco por enquanto", conclui Valdir Barbosa.

Com direitos federativos presos ao Cruzeiro e opção de compra no futuro, Breno Lopes desembarcou na Toca da Raposa após ser adquirido pelo empresário Rafael Brandino ao Paraná e assinou contrato de cinco anos.

Veja os gols de Coritiba 1 x 2 Cruzeiro
Comentários

Com medo de tapetão, Cruzeiro saca reforço em 'aquecimento'

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.