Driblador, homem-surpresa e xerifão: Dunga destaca qualidades de trio de novatos

Tiago Leme, do Rio de Janeiro (RJ), para o ESPN.com.br
Getty
Ricardo Goulart, meia do Cruzeiro
Ricardo Goulart, meia do Cruzeiro

Da lista de 22 jogadores convocados por Dunga nesta terça-feira, três deles vão vestir a camisa da seleção brasileira principal pela primeira vez: os meias Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart, ambos do Cruzeiro, e o zagueiro Gil, do Corinthians. Depois de se destacarem durante o Campeonato Brasileiro, trio de novatos terá a chance de mostrar serviço nos amistosos contra Colômbia, no dia 5 de setembro, e Equador, 9 de setembro, ambos nos Estados Unidos.

Questionado nesta terça-feira sobre o motivo das convocações desses atletas, Dunga deu suas justificativas e destacou as principais qualidades de cada um deles: driblador, homem-supresa e xerifão.

"O Éverton Ribeiro foi convocado pela qualidade e pelo drible. No futebol de hoje, com marcação cerrada, sem espaço, é importante que um jogador tenha o drible como ponto forte. O Goulart joga pelo meio, é forte, agressivo fisicamente e muito competitivo. Ele entra muito na área como surpresa e sabe concluir bem. Já o Gil teve boa passagem na Europa e se firmou no Corinthians, está tendo nível muito bom. Comanda a defesa e é bom na bola aérea. Ele sabe se impor, tem uma postura na defesa que os jogadores respeitam", analisou o treinador da seleção.

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Gil, zagueiro do Corinthians
Gil, zagueiro do Corinthians

Dunga ainda explicou que outros atletas que nunca foram chamados para a seleção devem ganhar oportunidades nas próximas partidas. O comandante do Brasil, no entanto, avisou que ninguém deve desperdiçar as chances, lembrando que a equipe não terá tantos amistosos assim de preparação antes das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018.

"Eles não terão muitas oportunidades. Muitas vezes serão 45 minutos para demonstrarem potencial, para isso eles vão precisar de foco, preparo, determinação, e não esperarem 10 ou 15 oportunidades. Isso seria o ideal, mas o ideal não existe. Não haverá tempo para se preparar, eles terão que chegar prontos para darem contribuição com talento", afirmou.

Getty
Éverton Ribeiro, meia do Cruzeiro
Éverton Ribeiro, meia do Cruzeiro
Comentários

Driblador, homem-surpresa e xerifão: Dunga destaca qualidades de trio de novatos

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.