Chilenos soltam rojões na Arena Pantanal, mas organização repassa culpa para a Fifa

Marcus Alves, de Cuiabá (MT), para o ESPN.com.br
Efe
Um torcedor é detido após soltar um rojão durante a vitória de 3 a 1 do Chile sobre a Austrália
Um torcedor é detido após soltar um rojão durante a vitória de 3 a 1 do Chile sobre a Austrália

Mais da metade dos 39 mil ingressos colocados à venda para a vitória de 3 a 1 do Chile sobre a Austrália, nesta quinta-feira, na Arena Pantanal, em Cuiabá, foi comprada por torcedores da seleção de Alexis Sánchez, Valdivia e companhia. Nas arquibancadas, durante os noventa minutos, eles trataram de reproduzir ao máximo o ambiente festivo. Mais até do que a Fifa costuma permitir.

Chamou a atenção nos momentos finais o disparo de rojões em um dos setores do palco mato-grossense.

Em balanço feito sobre o primeiro jogo no estádio para o Mundial, o secretário extraordinário da Copa, Maurício Guimarães, negou a responsabilidade do Governo na fiscalização da entrada dos torcedores.

Segundo ele, como se trata de um período exclusivo de uso da Fifa na Arena Pantanal, a entidade deveria ser a encarregada por se pronunciar.

Até o momento, ela não se posicionou sobre o assunto.

Conforme mostrado pelo ESPN.com.br nesta sexta-feira, o estádio não conta com alvará de liberação de funcionamento do Corpo de Bombeiros e, em reunião de última hora, teve de ser costurado um acordo com o Governo para que ele pudesse operar durante o período do Mundial com o laudo técnico utilizado pela CBF para compromissos do Campeonato Brasileiro.

Assista aos lances de Chile 3 x 1 Austrália
Comentários

Chilenos soltam rojões na Arena Pantanal, mas organização repassa culpa para a Fifa

COMENTÁRIOS

Use a Conta do Facebook para adicionar um comentário no Facebook Termos de usoe Politica de Privacidade. Seu nome no Facebook, foto e outras informações que você tornou públicas no Facebook aparecerão em seu cometário e poderão ser usadas em uma das plataformas da ESPN. Saiba Mais.